Manchester City “exclui” Mendy, acusado de estupro, das lojas do clube

Citizens ainda aguardam decisão da justiça para definir o futuro do lateral esquerdo

atualizado 14/09/2021 12:28

Visionhaus/Getty Images

Apesar de não ainda manifestar o destino do lateral esquerdo Mendy, o Manchester City excluiu o nome do jogador de todas as lojas oficiais do clube e impediu que os torcedores comprassem produtos associados ao francês.

Mesmo com a decisão, os Citizens ainda aguardam a decisão oficial da justiça em relação ao caso para definir o que fará com o jogador, que segue preso, a princípio, até o início de 2022.

Mendy, de 27 anos, é acusado de cometer quatro estrupos, além de uma agressão sexual.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Vídeos
Mais lidas
Últimas notícias