Jogador mais bonito da Copa 2018 larga o futebol e decide virar ator

Islandês Rurik Gislason pendurou as chuteiras e vai tentar fora do futebol. Ele pretende fazer filmes e comandar um programa na Alemanha

atualizado 12/11/2020 21:13

Rurik GislasonGetty Images / Tristar Media / Colaborador

O islandês Rurik Gislason causou furor durante a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. O jogador foi considerado o mais sexy da competição e atraiu holofotes durante a disputa da competição. Agora aos 32 anos, Gislason pendurou as chuteiras e tentará seguir uma profissão além das quatro linhas, de apresentador e ator.

A fama foi tanta que ele teve que se mudar para Miami após o Mundial para tentar levar uma vida mais tranquila. Mas o assédio em cima do jogador continuou. Ele acumula histórias geradas pela fama repentina. “Houve quem quisesse que eu doasse meu esperma”, conta.

0

 

Agora Gislason seguirá outro caminho fora do futebol. Ele já tem planos para a carreira de ator e apresentador. “Há alguns projetos interessantes no futuro para os quais decidi dizer sim. É um programa de televisão na Alemanha e decidi tentar fazer um filme islandês”, revela o ex-jogador, que tem passagens por clubes como Nuremberg   e Copenhagen.

Vídeos
Últimas notícias