Jogador do Chelsea critica ato contra o racismo: “Não me ajoelho mais”

Marcos Alonso se recusa a ajoelhar antes dos jogos dos Blues e prefere outras maneiras de expressar seu apoio a causa

atualizado 21/09/2021 11:07

Clive Rose/Getty Images

Marcos Alonso, lateral-esquerdo do Chelsea, entrou em uma polêmica após uma entrevista para a Sky Sports. O espanhol disse que não irá mais se ajoelhar antes dos jogos dos Blues, atitude que simboliza ato contra o racismo.

Para Alonso, o movimento vem perdendo força e ele não acredita que esta forma seja “natural”. “Sou totalmente contra o racismo e sou contra qualquer tipo de discriminação. Mas agora prefiro apenas colocar o dedo no brasão da camisa onde está escrito ‘não ao racismo’, como fazem em outros esportes e no futebol de outros países. Prefiro fazer dessa forma que agora é mais natural.”, disse.

Em entrevista coletiva, Thomas Tuchel, técnico do Chelsea, afirmou que o clube vai aceitar a recusa do atleta. “O mais importante pra mim é que eu conheço pessoalmente o Marcos, eu confio nele 100% e sei que ele é absolutamente comprometido contra o racismo”, pontuou o comandante.

No Twitter, a atitude do jogador dividiu opiniões. Enquanto vários internautas discordam de seu argumento, outros o apoiam.

“Eu, honestamente, desejo o pior para Marcos Alonso”, disse um usuário.

“Sim, ele pode ter um ponto, mas como apontar para a manga é diferente de acertar o joelho, coisa que 91% de sua equipe faz todos os dias de jogo. Então ele está se afastando de um movimento que eu simplesmente não entendo”, falou outro.

“Ficar de joelhos contra o racismo agora é uma rotina antes de cada jogo de futebol. Se você discorda de Marcos Alonso sobre sua própria forma de se pronunciar contra isso, sua cabeça está “enterrada na areia”. Prefiro ver os jogadores tentarem fazer uma declaração do que participar de uma rotina”, defendeu um terceiro.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesesportes

Vídeos
Últimas notícias