Goleiro da Bélgica detona disputa de terceiro lugar da Liga das Nações: “Jogo inútil”

Thibaut Courtois não vê sentido em disputar a partida. Belgas foram eliminados pela França no fim da semifinal nessa quinta-feira (7/10)

atualizado 08/10/2021 11:25

Courtois defende pênaltiReprodução/Instagram

A derrota de virada para a França por 3 x 2, na quinta-feira (7/10), o Juventus Stadium, em Turim, na Itália, pelas semifinais da Liga das Nações, significou mais um objetivo não atingido pela “geração dourada” da seleção da Bélgica. Para De Bruyne e companhia restará a luta pelo terceiro lugar contra a Itália, neste domingo, no mesmo local, mas isso não agrada em nada o goleiro Thibaut Courtois.

“Sabíamos que o 2 x 0 não seria suficiente contra a França. Mas não há frustração. O jogo contra a Itália não faz sentido. Ser terceiro colocado na Liga das Nações é indiferente. Não compreendo porque é que vamos jogar essa partida. Só queríamos jogar na final”, afirmou o arqueiro do Real Madrid, em entrevista à emissora de TV belga RTL.

Ao contrário da Eurocopa, a Liga das Nações tem decisão pelo terceiro lugar. O técnico Roberto Martínez foi mais contido. O espanhol, que comanda a seleção belga há cinco anos, a levando até o primeiro lugar no ranking da Fifa, esteve perto de disputar o primeiro título e lamentou a dura derrota. Mas elogiou a atuação do time no primeiro tempo.

“Devemos aplaudir o esforço dos jogadores no primeiro tempo. Mas continuo achando muito cruel perder essa partida assim, aos 90 minutos, dado o primeiro tempo que conquistamos, que foi de muita qualidade. É realmente muito difícil”, disse o técnico espanhol.

A França avançou e vai fazer a final da Liga das Nações contra a Espanha, neste domingo, às 15h45 (de Brasília), no estádio San Siro, em Milão. A Bélgica vai enfrentar a Itália também no domingo, às 10 horas, em Turim, pela decisão do terceiro lugar.

Vídeos
Últimas notícias