Domènec Torrent se irrita: “Não falem que o VAR beneficia o Flamengo”

O treinador do time carioca questionou a atitude da arbitragem de vídeo contra o Internacional ao não chamar o juiz para checar dois lances

atualizado 26/10/2020 10:01

Domènec Torrent em treino do FlamengoAlexandre Vidal/Flamengo

Após buscar um empate por 2 x 2 nos acréscimos da partida contra o Internacional, nesse domingo (25/10), o técnico do Flamengo, Domènec Torrent, se irritou ao falar do árbitro de vídeo. Ciente da pressão nos bastidores de que o VAR estaria, de alguma maneira, beneficiando o time carioca, o espanhol destacou dois lances polêmicos no Beira-Rio para cobrar o fim dos rumores.

“Não gostaria de falar disso, porque parece uma desculpa. Mas eu não entendi quando a imprensa ou gente falava que o VAR beneficiava o Flamengo. Eu não vi direito da minha posição, mas isso é para que comentem o que aconteceu. Não sei porque o VAR não chamou o árbitro, mas tampouco quero saber. Mas quando é com a gente, falam assim. Então, são erros que devem ser falados. Não falem nunca mais que o VAR beneficia o Flamengo, por favor”, cobrou Dome.

Os lances citados pelo treinador do Flamengo foram uma mão dentro da área do zagueiro Rodrigo Moledo e um possível empurrão de Uendel em Pedro, também dentro da área. Ambos os lances foram considerados normais pelo árbitro em campo, Wilton Pereira Sampaio, e também pelo juiz de vídeo.

O Internacional também deixou o campo irritado com a arbitragem. À frente do placar até os 50 minutos do segundo tempo, o time colorado sofreu o empate restando dois minutos para acabar os acréscimos. A crítica mirou a quantidade de tempo extra, já que não houve interferência do VAR durante a partida.

Vídeos
Últimas notícias