Deu ruim! Torcedor tatua nome de Rafael Vaz e se arrepende: “Não sai”

Thiago Macedo duvidou que Rafael Vaz faria gol no fim do jogo. Zagueiro acertou o pé na cobrança e deu vitória ao Goiás, diante do Inter

Reprodução/TV Anhanguera

atualizado 04/09/2019 19:28

Um torcedor do Goiás está vivendo um dilema que deve durar o resto da vida. O problema começou no último dia 25, quando o Esmeraldino e o Internacional empatavam até os 50 minutos do segundo tempo, no estádio Serra Dourada. Uma falta na entrada da área poderia selar a vitória dos donos da casa. Certo de que a igualdade permaneceria no placar, o torcedor Thiago Macedo, que assistia à partida na arquibancada do espaço apostou que tatuaria o nome de Rafael Vaz caso o zagueiro acertasse a cobrança. O beque, acertou um chute de rara beleza, dando a vitória ao Goiás.

O defensor é conhecido por atrair a ira dos torcedores dos times por onde passa. O maior exemplo disso foi durante o período em que Vaz defendeu o Flamengo, logo depois de deixar o arquirrival Vasco. Apesar de se aventurar no ataque, algumas vezes se sucesso, expondo a defesa a contra-ataques, Vaz também é dono de um potente chute, que deu a vitória ao Goiás diante do Colorado.

“Na hora da falta, a gente precisando ganhar o jogo, e eu comentei com os meninos: ‘Se o Vaz fizer esse gol, eu tatuo o nome dele’. O Vaz meteu essa bola na gaveta”, lamentou, em entrevista à TV Anhanguera. Na mesma entrevista, o torcedor demonstrou bom humor ao esfregar a tatuagem e concluir: “Não sai”.

Entre os amigos, apesar de motivo de chacota por conta do arroubo de sanidade, Thiago virou também exemplo.

“Tem que parabenizar. Ele foi homem e cumpriu a aposta. Tá tudo certo agora”, declarou um companheiro de arquibancada, também em entrevista à afiliada da Rede Globo em Goiás.

 

Últimas notícias