Copa América: grupos, jogos, as estrelas e o palpite do Metrópoles

Mesmo com muitas discussões, protestos e polêmicas, a competição ocorrerá em Brasília, Rio de Janeiro, Cuiabá e Goiânia

atualizado 13/06/2021 10:44

Taça da Copa AméricaHector Vivas/Jam Media/LatinContent via Getty Images

A inusitada Copa América de 2020 já teve muitos capítulos dramáticos. Começou com o adiamento por causa da pandemia da Covid-19 que fez com que ela acontecesse somente em 2021. Depois, passou pela mudança de sede, saindo da Colômbia e Argentina e vindo para o Brasil. Mesmo com muitas discussões, protestos e polêmicas, a competição ocorrerá em Brasília, Rio de Janeiro, Cuiabá e Goiânia.

O primeiro episódio oficial vai ao ar neste domingo (13/6), às 18h, com o jogo de abertura entre Brasil x Venezuela, em Brasília, no Mané Garrincha. E a final será somente no dia 10 de julho, no Maracanã.

Tudo que você precisa saber sobre a competição, a composição dos grupos, os personagens principais, todos os jogos da primeira fase, e a aposta do Metrópoles, no que se refere a esta trama, está aqui. Confira:

Os grupos

As 10 seleções que disputarão a Copa América foram divididas em dois grupos. No Grupo A, estão Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai; e, no B, estão Colômbia, Equador, Peru, Venezuela e o atual campeão, Brasil.

O Grupo A tem quatro equipes fortes, que devem se classificar com tranquilidade para as quartas de final, e a Bolívia, que é o time azarão. Oitava colocada nas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, a equipe boliviana só consegue lugar no mata-mata se Chile ou Paraguai tropeçarem. Argentinos e uruguaios, pelo favoritismo, estão praticamente garantidos para a próxima fase.

No outro conjunto, a Seleção Brasileira tem chances reais de conseguir avançar para o mata-mata sem grandes sustos. Na fase de grupos, os maiores adversários do time de Tite serão Equador e Colômbia, que devem aparecer entre os outros três que irão para as quartas de final.

Venezuela e Peru não estão em um bom momento – ocupam, respectivamente, a penúltima e a última posição nas Eliminatórias, e farão disputa pela quarta vaga.

As estrelas de cada país

Depois de virem para o Brasil em 2019 para competir na Copa América daquele ano, craques do futebol sul-americano e mundial brilharão mais uma vez pelos gramados brasileiros.

Além de Neymar e companhia na Seleção Brasileira, veremos Cavani e Suárez em ação pelo Uruguai; Messi e Di María pela Argentina; Vidal e Alexis Sánchez pelo Chile; Ospina e Cuadrado pela Colômbia; Trauco e Yotún pela seleção peruana; Balbuena e Gómez pelo Paraguai; Soteldo pela Venezuela; Valencia e Mena da equipe equatoriana; e Marcelo Moreno e Lampe da Bolívia.

Palpite do Metrópoles

A projeção feita pelo Metrópoles prevê que as quartas de final tenham: Equador x Paraguai e Brasil x Chile em uma chave, e Uruguai x Colômbia e Argentina x Peru/Venezuela na outra.

Dessa forma, a nossa aposta é que as semifinais sejam entre Brasil x Equador e Argentina x Uruguai, com grandes chances de a Seleção ir para a decisão. Fica a expectativa do adversário dos brasileiros na final, pois o duelo entre argentinos e uruguaios é imprevisível, mas vai dar pra ter uma ideia de quem pode avançar depois do jogo da segunda rodada, quando essas seleções vão se enfrentar.

Independentemente de quem disputar o título com a Seleção Brasileira, a certeza é de que será um jogão e um clássico de tirar o fôlego.

Jogos

1ª rodada

Grupo A
Argentina x Chile, na segunda (14/6), às 18h, no Nilton Santos

Paraguai x Bolívia, na segunda (14/6), às 21h, no Estádio Olímpico

Grupo B
Brasil x Venezuela, no domingo (13/6), às 18h, no Mané Garrincha

Colômbia x Equador, no domingo (13/6), às 21h, na Arena Pantanal

2ª rodada

Grupo A
Chile x Bolívia, na sexta (18/6), às 18h, na Arena Pantanal

Argentina x Uruguai, na sexta (18/6), às 21h, no Mané Garrincha

Grupo B
Colômbia x Venezuela, na quinta (17/6), às 18h, no Estádio Olímpico

Brasil x Peru, na quinta (17/6), às 21h, no Nilton Santos

3ª rodada

Grupo A
Uruguai x Chile, na segunda (21/6), às 18h, na Arena Pantanal

Argentina x Paraguai, na segunda (21/6), às 21h, no Mané Garrincha

Grupo B
Venezuela x Equador, no domingo (20/6), às 18h, no Nilton Santos

Colômbia x Peru, no domingo (20/6), às 21h, no Estádio Olímpico

4ª rodada

Grupo A
Bolívia x Uruguai, na quinta (24/6), às 18h, na Arena Pantanal

Chile x Paraguai, na quinta (24/6), às 21h, no Mané Garrincha

Grupo B
Equador x Peru, na quarta (23/6), às 18h, no Estádio Olímpico

Brasil x Colômbia, na quarta (23/6), às 21h, no Nilton Santos

5ª rodada

Grupo A
Uruguai x Paraguai, na segunda (28/6), às 21h, no Nilton Santos

Bolívia x Argentina, na segunda (28/6), às 21h, na Arena Pantanal

Grupo B
Venezuela x Peru, no domingo (27/6), às 18h, no Mané Garrincha

Brasil x Equador, no domingo (27/6), às 18h, no Estádio Olímpico

Vídeos
Últimas notícias