metropoles.com

Conmebol libera áudio do VAR em gol do River anulado: “Para mim é gol”

O árbitro Roberto Tobar não concordou com a marcação da equipe da arbitragem de vídeo, mas foi convencido e anulou gol

atualizado

Compartilhar notícia

Marcelo Endelli/Getty Images
Árbitro de partida da Libertadores anula gol de River Plate - Metrópoles
1 de 1 Árbitro de partida da Libertadores anula gol de River Plate - Metrópoles - Foto: Marcelo Endelli/Getty Images

A eliminação do River Plate, após o empate por 0 x 0 com o Vélez Sarsfield nessa quarta-feira (6/7), ficou marcada pela anulação polêmica do gol de Matías Suárez. A Conmebol divulgou, nesta quinta-feira (7/7), os áudios do VAR durante o lance.

A equipe da arbitragem de vídeo era brasileira, com Rafael Traci como árbitro principal do VAR e Bráulio da Silva Machado como auxiliar. O toque na mão do atacante argentino foi cravado pelos dois a todo instante.

Entretanto, Roberto Tobar, árbitro da partida, não concordava com a marcação. Na análise, ele pediu diversos ângulos para conseguir visualizar a possível infração. Tobar acabou convencido pela equipe e decidiu anular o gol.

A marcação saiu aos 33 minutos do 2º tempo. Enzo Pérez passou a bola para Barco, que cruzou na segunda trave para Matías Suárez. O atacante completou o gol de cabeça, mas, de acordo com o VAR, a bola tocou em seu braço antes de balançar as redes.

Confira o diálogo da arbitragem:

VAR: “Vamos ao cruzamento. Mais atrás, vamos pegar direto. Vem de trás. Quero a micro para ver se é só cabeça. Pausa, aí. Uma outra câmera. Estamos checando uma possível mão do atacante. Looping. Pega na mão. Quando bate, pode ver que toca”.

VAR: “Tobar, possível mão no gol”.

Roberto Tobar: “Vamos, estou aqui”.

VAR: “Está no ponto de contato”.

Roberto Tobar: “Deixa ela correr. Me dá outro ângulo”.

Roberto Tobar: “Para mim é gol”.

VAR: “Creio que é a melhor imagem. Cabeceia e há uma troca de direção”.

Roberto Tobar: “Não me parece. Tenho que ver de novo”.

VAR: “Pega na mão. O atacante cabeceia em seu próprio braço que está aberto e faz o gol”.

Roberto Tobar: “A ver. Me dá outro [ângulo]. Esta para trás. Outra mais”.

VAR: “Calma, vamos mostrar de novo. Tranquilo, tome o seu tempo. Olha, o atacante cabeceia, pega em seu braço e há mudança de direção”.

VAR: “Está aí o ponto de contato. Ele cabeceia e está em ponto de contato, certo? Deixa continuar. Tira com a mão, braço. Me parece mão, me parece para anular”.

Com isso, o Vélez passou para as quartas de final e enfrentará o Talleres.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu celular? Entre no canal do Metrópoles no Telegram e não deixe de nos seguir também no Instagram!

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comEsportes

Você quer ficar por dentro das notícias de esportes e receber notificações em tempo real?

Notificações