Conmebol deseja “paz” ao Chile após mudar sede da Libertadores

Entidade sul-americana confirmou nesta terça-feira mudança de Flamengo x River Plate para a cidade de Lima, no Peru

Reprodução/TwitterReprodução/Twitter

atualizado 05/11/2019 20:27

A Conmebol confirmou nesta terça-feira (05/11/2019) a alteração do local da final da Libertadores 2019. Após reunião com os representantes de Flamengo e de River Plate, definiu-se Lima, no Peru, como novo palco da decisão do próximo dia 23. Ao justificar a mudança como “circunstância de força maior”, a entidade desejou “paz” ao Chile, país que passa por momento turbulento com protestos diários.

“A Conmebol agradece veementemente o governo do Chile pela colaboração ativa das várias distribuições públicas para a organização correta da Final Única da Libertadores 2019. Desejamos ao povo chileno e suas autoridades paz e boa vontade”, escreveu a entidade sul-americana em seu comunicado oficial de alteração de sede.

A Conmebol lembrou ainda que foram analisadas e avaliadas com prudência as questões de segurança do público e das delegações envolvidos na final da Libertadores.

Caos
A capital do Chile tem sido sacudida por violentos protestos contra o aumento das tarifas do metrô, que incluíram ataques a várias estações do serviço de transporte metropolitano, saques e incêndios. Após a convocação de uma série de “evasões em massa”, para protestar contra o aumento de 800 para 830 pesos na passagem no horário de pico, os manifestantes passaram a atacar as estações do metrô em Santiago.

A partir daí, outras antigas reivindicações passaram a fazer parte dos protestos, que seguem diariamente no país, sem data para acabar.

Últimas notícias