CBF e 19 clubes da Série A tentam derrubar liminar do Flamengo por público

Equipes decidem que só haverá público com liberação para todos; postura rubro-negra gera críticas dos demais presidentes

atualizado 14/09/2021 16:59

MaracanãBuda Mendes/Getty Images

A disputa do Campeonato Brasileiro está quente, também, fora de campo. Nesta quarta-feira (8/9), a CBF e 19 clubes da Série A decidiram que os jogos do torneio continuarão sem a presença de público. O único time dissidente da posição é o Flamengo.

Os 19 clubes entraram com uma ação conjunta no Superio Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para tentar derrubar a liminar concedida ao Flamengo que permite contar com a presença de público em seus jogos. Além disso, ficou decidido que se alguma outra equipe usar liminar para contar com torcedores em seus estádios, a rodada inteira do Brasileiro será suspensa.

Horas antes da reunião acontecer, o Flamengo publicou uma nota oficial afirmando não caber à CBF ou aos clubes decidir sobre a presença de público nos estádios. Por isso, o Rubro-Negro não participou da reunião.

A Prefeitura do Rio de Janeiro permitiu presença de público no Maracanã em três jogos do Flamengo, o que chamou de “eventos-teste”. Na reunião, o Atlético-MG lembrou que também tem uma liminar que lhe permite ter a presença de torcedores no Mineirão, mas deixou claro que não usará do artifício em nome do entendimento coletivo.

Uma nova reunião foi marcada em 28 de setembro para discutir o tema.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Vídeos
Últimas notícias