Após o pentacampeão Lúcio, Michel Platini deixa o Brasiliense

O atacante chegou a um acordo com a diretoria do clube e deve ter a rescisão publicada no BID da CBF em breve

Lucas Bolzan/Especial para o MetrópolesLucas Bolzan/Especial para o Metrópoles

atualizado 10/10/2019 18:02

Com a chegada do treinador Mauro Fernandes para a temporada 2020, o Brasiliense segue reformulando o elenco. Após a saída dos zagueiros Pablo e Lúcio, outro atleta que deixou o  Jacaré nesta quinta-feira (10/10/2019) foi o atacante Michel Platini.

Destaque no Sobradinho, Platini chegou ao Brasiliense no final de 2018 para jogar a temporada deste ano. Ao todo foram 13 jogos disputados pelo atleta com a camisa amarela (3 no Candangão, 8 na Série D e 2 na Copa Verde).

O experiente jogador foi peça importante, inclusive utilizado na fase final do Candangão, fazendo gol no segundo jogo da decisão da competição contra o Gama. Já na Série D, no comando do treinador Ricardo Antônio, Platini foi utilizado em oito jogos, marcando gol na estreia da competição, contra o Serra, no Serejão.

A rescisão ocorre de forma amigável com a diretoria. O atacante terá a rescisão publicada no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) em breve e estará livre no mercado para negociação com outros clubes.

Últimas notícias