Após eliminação do México na Copa, técnico Tata Martino é demitido

O técnico Tata Martino não vai ter seu contrato com a seleção do México renovado depois que o país foi eliminado da Copa do Mundo

atualizado 30/11/2022 21:49

Homem velho e de cabelo branco, usando roupas pretas e colocando as mãos na cabeça em sinal de decepção após ter sido eliminado da Copa do Mundo no catar - técnico do méxico Michael Steele/Getty Images

Apesar da vitória, a Seleção do México foi eliminada da Copa do Mundo 2022 nesta quarta-feira (30/11). A equipe bateu a Arábia Saudita por 2 x 1, mas não conseguiu a pontuação necessária para chegar às oitavas de final da competição. O técnico que levou a equipe ao Catar, Tata Martino, lamentou sua demissão.

México vence último jogo da Fase de Grupos da Copa do Mundo no Catar mas não consegue se classificar para as oitavas de final da competição

Em entrevista coletiva após a partida que desclassificou o México, Martino não foi aberto a muitas perguntas sobre o seu futuro na Seleção Mexicana e foi curto e grosso ao falar sobre sua demissão:

“Meu contrato acabou quando o árbitro acabou a partida. Isso responde sobre o meu futuro”, disse à imprensa.

Argentino, o profissional lidera a equipe do México desde 2019. Em 65 jogos disputados sob seu comando, o time norte-americano venceu 40, empatou 13 e teve 12 derrotas. Após a partida desta quarta, ele se despediu do time e se culpou pela eliminação do país da Copa.

“Sou eu o responsável por essa decepção que tivemos hoje. Assumimos o fracasso que tivemos nesta Copa do Mundo. Desde que cheguei, trabalhei com total liberdade, sem nenhuma interferência de ninguém”, disse Tata Martino.

Essa foi a primeira vez em 44 anos que o México não avança para as oitavas de final do Mundial de Seleções.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias