*
 

Nove dias após a eliminação na Copa do Brasil, o Brasiliense tem mais uma decisão em um torneio nacional, desta vez pela Copa Verde. Nesta quinta-feira (15/2), às 20h30, o Atlético-ES chega ao Mané Garrincha com os 2×1 conquistados em Itapemirim (ES), no jogo de ida.

O gol marcado na casa do adversário, por Patrick, deu esperanças ao Jacaré. Para ir às quartas de final, o clube precisa vencer por 1×0. Se o placar for, mais uma vez, 2×1 (para o mandante), a decisão vai aos pênaltis. Quem passar pegará o melhor de Cuiabá x Operário-MT, que também duelam na noite desta quinta. A vitória no primeiro jogo foi do Operário.

O atual campeão candango vem de um importante triunfo sobre o rival Gama, na última sexta-feira (9). A sequência de partidas envolvendo o Candangão e as copas Verde e do Brasil motivou a comissão técnica a dar folga aos atletas no sábado (10) e domingo (11). Na segunda (12), eles voltaram a treinar.

“A saúde mental também faz parte. Todo mundo estava desgastado, com muita cobrança”, defende o técnico Rafael Toledo. O comandante conseguiu consertar o problema que enxergava no jogo aéreo do Brasiliense – outro alívio pré-disputa contra o Atlético-ES. “Será um duelo extremamente decisivo, contra um adversário chato, bem-organizado. Vamos ter de jogar muito”, avaliou.

Os únicos desfalques serão o lateral Cicinho e o atacante Luquinhas, lesionados.

Redenção
Embora desembarquem em Brasília com a vantagem, os capixabas vêm de um baque: perderam pela primeira vez no ano, para o Remo, pela Copa do Brasil, há uma semana. Além disso, o Atlético-ES demonstra preocupação com o jogo aéreo do Brasiliense.

“É uma característica do time deles, que tem um poder de bola aérea grande. Vimos o jogo contra o Oeste e estamos preparados”, alerta o zagueiro Kleber Viana, referindo-se à eliminação do Brasiliense na Copa do Brasil.

O lateral Felipe Foca, lesionado, está fora. Paulinho, titular na campanha do título capixaba no ano passado, voltará ao grupo dos 11.

Nas edições anteriores, o torneio dava ao campeão o direito de disputar a Copa Sul-Americana. A regra, porém, mudou, e agora o vencedor vai às oitavas de final da Copa do Brasil de 2019.

Candangão
Devido ao compromisso pela Copa Verde, o Brasiliense terá o jogo da sexta rodada, contra o Ceilândia, adiado. A nova data ainda será marcada.

Na abertura da jornada, o Paracatu venceu o Formosa na terça-feira (13), por 1×0. Nesta quinta (15), enfrentam-se Gama x Santa Maria, Samambaia x Paranoá, Sobradinho x Real e Bolamense x Luziânia.

Até a metade da primeira fase, o Sobradinho lidera com 13 pontos em cinco partidas, seguido de Paracatu (10) e Gama (9). O Brasiliense é o sexto, com sete pontos em quatro jogos.

Copa Verde – Oitavas de final, jogo de volta

Brasiliense x Atlético-ES
Horário:
20h30
Estádio: Mané Garrincha
Árbitro: Andrey da Silva (PA)
Ingressos: R$ 10 (meia), entrada pelo portão 17