metropoles.com

Em 2023, Brasil tem o dobro de derrotas que os últimos 3 anos com Tite

Com Ramon Menezes e Fernando Diniz na beira do campo, Seleção Brasileira faz ano de 2023 com números ruins

atualizado

Compartilhar notícia

Gabriel Aponte e Alex Grimm/Getty Images
Fernando Diniz e Tite - Metrópoles
1 de 1 Fernando Diniz e Tite - Metrópoles - Foto: Gabriel Aponte e Alex Grimm/Getty Images

A Seleção Brasileira jogou e perdeu para a Colômbia, nessa quinta-feira (16/11), por 2 x 1, pela 5ª rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026. E, comparando 2023 com os três últimos anos da “Era Tite”, a Canarinho alcançou o dobro de derrotas do que obteve o atual treinador do Flamengo.

Em 2023, a Seleção Brasileira foi comandada por Ramon Menezes e Fernando Diniz, tendo quatro derrotas em oito jogos. Já Tite, em 2020, 2021 e 2022 somados, teve 33 partidas e apenas duas derrotas dentro dos 90 minutos.

Nesses 33 jogos, Tite sofreu 13 gols, mesma quantidade que a Seleção Brasileira sofreu em oito partidas disputadas de 2023. Além disso, a Canarinho treinada por Adenor não teve a meta vazada em 21 oportunidades.

E no período dos 33 jogos, a Seleção Brasileira venceu 26 partidas e empatou cinco, tendo marcado 74 gols (uma média de 2,24 por partida).

Atualmente no comando da Seleção, o interino Fernando Diniz tem cinco jogos pela Amarelinha, com duas derrotas, duas vitórias e um empate.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comEsportes

Você quer ficar por dentro das notícias de esportes e receber notificações em tempo real?

Notificações