Kevin Durant não exerce opção de contrato e se torna agente livre

Mesmo machucado, o ala do Golden State Warriors é cobiçado por diversas equipes

Ezra Shaw/Getty ImagesEzra Shaw/Getty Images

atualizado 26/06/2019 19:45

Mesmo machucado, Kevin Durant continua sendo objeto de desejo de diversas franquias da NBA. Sabendo disso, o atleta decidiu, nesta quarta (26/06/2019), declinar seu último ano de contrato e se tornar um agente livre irrestrito.

Isso significa que, a partir de 30 de junho, quando será aberto o período para contratação de agentes livres na NBA, qualquer equipe poderá fazer uma oferta ao jogador.

New York Knicks, Los Angeles Clippers e Brooklyn Nets seriam alguns dos times mais cotados a fechar com o jogador. No entanto, qualquer outra equipe que não seja o Golden State Warriors só poderá oferecer a Durant o máximo de R$ 630 milhões por quatro anos. A franquia de Oakland, de acordo com as regras de renovação da NBA, poderá oferecer R$ 845,5 milhões por cinco anos ao atleta.

Vale lembrar que Durant, 30 anos, sofreu uma lesão no tendão de Aquiles durante o Jogo 5 das Finais da NBA e, provavelmente, não jogará a próxima temporada.

Últimas notícias