Toto Wolff: derrota para Rosberg não “melhorou” Hamilton, só o “irritou”

Depois de perder título para o alemão em 2016, britânico emplacou quatro títulos consecutivos

atualizado 23/11/2020 19:09

Mark Thompson/Getty Images

Para muitos fãs da Fórmula 1, o fato de ter perdido o título de 2016 para Nico Rosberg melhorou Lewis Hamilton como piloto. Para o chefão da Mercedes, Toto Wolff, no entanto, a batalha com o alemão não teve esse efeito positivo no britânico.

“Não acho que isso tenha desempenhado qualquer papel. Acho que isso o irritou naquela época, e ele simplesmente seguiu em frente. Não acho que havia algo em particular para aprender naquele ano. Nico era forte, Lewis teve alguns abandonos liderando corridos e, no fim, é o que é”, comentou Wolff.

O chefão da Mercedes opinou que Hamilton simplesmente evoluiu como piloto e ser humano, e suas atitudes dentro e fora do carro, como o posicionamento ativo em causas como o racismo foram os motivos que o levaram a ter tanto sucesso e emendar quatro títulos mundiais depois de 2016.

“O que vejo ou o que percebi nos últimos anos é sua autoanálise permanente, como melhorar, ele se tornou muito bom em identificar pontos fracos e, em seguida, enfrentá-los. E ele progrediu ao longo dos anos como piloto no carro e como personalidade fora do carro”, opinou.

Vídeos
Últimas notícias