F1: Russell lamenta acidente e reclama de layout da barreira de pneus

Inglês foi um dos pilotos envolvidos na batida com o chinês Guanyu Zhou, que capotou e assustou os torcedores na arquibancada

atualizado 03/07/2022 19:35

Foto colorida de George Russell Mark Thompson/Getty Image
George Russell, piloto da Mercedes, estava perto de Guanyu Zhou, que capotou o carro no início do Grande Prêmio de Silverstone, na Inglaterra. O inglês descreveu o acidente e ainda reclamou do layout da barreira de pneus que ficam na beira da pista.

“Foi um incidente incrivelmente assustador, não apenas para ele, mas tenho certeza para todos na arquibancada também, não foi legal de ver. Ele ficou preso ali. Não há nada que ele pudesse ter feito. Precisamos ter algo para impedir que um carro fique preso em um espaço tão pequeno entre as barreiras de pneus e a cerca de metal. Ele ficou simplesmente preso ali, sem ter pra onde ir”, pontuou.

Russel, que não conseguiu seguir na corrida por conta da colisão, também lamentou que tenha ficado de fora do GP de Silverstone. “Em primeiro lugar, estou feliz em ver que Zhou está bem. Quando voltei para o pit, meu carro já estava na garagem e disseram que não podíamos reiniciar a corrida. Então é chato. O carro até que estava bom.

“Houve um pouco de dano, mas nada que me impediria de correr”, explicou o piloto.

Carlos Sainz venceu a primeira corrida de sua carreira neste domingo (3/7). Logo atrás do espanhol, o mexicano Sergio Perez e o britânico Lewis Hamilton completaram o pódio.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu celular? Entre no canal do Metrópoles no Telegram e não deixe de nos seguir também no Instagram!

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias