Antonio Brown, do New England Patriots, é acusado de estupro nos EUA

Recém-contratado pelo time de Tom Brady, jogador teve problemas em equipe anterior, o Oakland Raiders

Kevin Abele/Icon Sportswire via Getty ImagesKevin Abele/Icon Sportswire via Getty Images

atualizado 11/09/2019 11:55

O wide receiver Antonio Brown, recém-contratado pelo New England Patriots, se envolveu em mais um problema. O jogador, que viveu grande fase defendendo o Pittsburgh Steelers, se transferiu para o Oakland Raiders e sequer entrou em campo pelo time por conta de inúmeras polêmicas, como uma lesão no pé e até mesmo a escolha do capacete. Agora, o atleta de 31 anos tem uma questão mais séria para lidar: ele foi acusado de estupro por uma ex-treinadora.

Segundo o processo movido na Flórida, estado natal do jogador, as agressões (foram três, segundo o documento) ocorreram entre 2017 e 2018. A mulher que o acusa é a ginasta Britney Taylor, de 28 anos. Os dois se conheceram na Central Michigan University, e Brown a contratou posteriormente como treinadora. O processo traz relatos chocantes sobre a acusação que pesa contra o camisa 84.

Na primeira das agressões, o jogador beijou a ginasta contra a vontade dela. O segundo ataque foi ainda mais pesado: o atleta se masturbou atrás de Taylor, ejaculando nas costas dela. Mensagens anexas no processo trazem ainda falas do jogador se gabando do ocorrido. Os dois deixaram de trabalhar juntos, mas o astro da NFL a contratou novamente, disposto a se desculpar. Foi nesse contexto que aconteceu o terceiro episódio de agressão sexual, em que Brown empurrou o rosto de Taylor contra a cama e a violentou, mesmo diante dos gritos de “não” e “pare”.

“Como vítima de estupro de Antonio Brown, decidir se manifestar foi uma decisão incrivelmente difícil. Encontrei força em minha fé, minha família e nos relatos de outros sobreviventes de agressão sexual”, disse Britney Taylor, em comunicado divulgado por seu advogado.

Outro lado
Antonio Brown também se manifestou por meio de seu defensor. O jogador negou ter estuprado a ginasta e garantiu estar sendo vítima de uma acusação falsa e que vai limpar a reputação.

“Sr. Brown nega toda e qualquer alegação no processo. Ele buscará todos os recursos legais para não apenas limpar seu nome, mas também para proteger outros atletas profissionais contra falsas acusações”, afirmou.

Novo time do wide receiver, o New England Patriots disse não ter sido notificado da acusação.

Classificação

PosTimePÚltimos
jogos
1Flamengo90
W W W W L
2Santos74
W L W L W
3Palmeiras74
L L L W W
4Grêmio65
W L W W L
5Athletico-PR64
W W D W D
6São Paulo63
D W L W W
7Corinthians56
L W L W L
8Internacional55
D L W L D
9Fortaleza53
D W W D W
10Goiás52
W W L L W
11Atlético-MG49
L D W W D
12Bahia49
L D W D L
13Vasco49
D L W D D
14Fluminense46
W W D D W
15Botafogo43
W W L L D
16Ceará39
D L D L D
17Cruzeiro36
L L L L L
18CSA32
L W L L L
19Chapecoense32
W L L W D
20Avaí20
L L D L D
Últimas notícias