Relembre os primeiros dias “tensos” de Tom Veiga como Louro José

Em entrevista, intérprete do mascote de Ana Maria falou sobre início do personagem na TV: "Fui apavorado"

atualizado 02/11/2020 11:05

Arquivo Pessoal

Tom Veiga, o intérprete de Louro José, “era uma unanimidade”, nas palavras de Fernanda Gentil, que comanda o programa Encontro, da TV Globo, nesta segunda-feira (2/11). A atração matinal está dedicada ao ator, que faleceu ontem (1º) de acidente vascular cerebral (AVC).

Durante o quadro, uma entrevista de Tom sobre seus primeiros dias como Louro foi resgatada. “Fui apavorado. O que eu vou fazer com esse boneco aqui”, disse o ator. “Uma coisa é brincar na frente dos amigos. Outra coisa é na frente do Brasil inteiro. Foi muito tenso”, descreveu.

0

Ana Maria, parceira de palco de Tom no Mais Você, também participou do bate-papo à época. “O talento do Tom é o que faz o Louro estar aí até hoje”, revelou. Ele permaneceu no papel por 24 anos.

Sobre não ter a identidade revela ao grande público, Tom falou: “A gente combinou isso. Eu já era um homem casado. E, o Louro, uma criança. Acho ótimo. Posso ir ao cinema tranquilo, ninguém fala nada”.

Ele faleceu aos 47 anos em casa, no Rio de Janeiro. Desde que a notícia da morte dele foi divulgada, homenagens dos colegas de trabalho e dos fãs do ator não param de circular nas redes sociais.

O apresentador Luciano Huck, por exemplo fez uma declaração de despedida ao amigo e disse que tinha uma “relação quase familiar” com ele.

Mais lidas
Últimas notícias