Mestre do Sabor: saiba tudo sobre o reality gastronômico da Globo

Comandada pelo chef francês Claude Troisgros, atração terá 24 participantes, que disputarão prêmio de R$ 250 mil

Victor Pollak/TV Globo/DivulgaçãoVictor Pollak/TV Globo/Divulgação

atualizado 04/09/2019 16:07

Se você adora programas de culinária e nunca se cansa de admirar aqueles pratos maravilhosos feitos pelos mais renomados chefs de cozinha, pode se preparar. No dia 10 de outubro, a TV Globo vai estrear Mestre do Sabor, um reality-show gastronômico comandado por ninguém menos que o francês Claude Troisgros, que contará com o auxílio de Batista, seu amigo e braço direito. A competição reunirá 24 candidatos, que passarão pelo crivo de três conceituados chefs: Leo Paixão, Kátia Barbosa e o lusitano José Avillez, especialistas em culinária mineira, carioca e portuguesa, respectivamente.

Todos os participantes serão profissionais e originários de diferentes regiões do Brasil, que terão seus ingredientes regionais valorizados ao máximo. A premiação? Além da fama nacional, nada menos que R$ 250 mil.

Apesar de ser um reality de culinária, Mestre do Sabor tem menos semelhanças com MasterChef, exibido com sucesso pela Band, do que pode parecer a princípio. A escolha dos 24 participantes já deixa isso claro logo na primeira fase, intitulada Prato de Entrada.

Cada um dos 60 profissionais pré-selecionados apresenta seu melhor prato. Então, todos são provados pelos pelos chefs Paixão, Kátia e Avillez sem que eles saibam quem os preparou. Individualmente, cada um dos três decide – levando em conta o sabor – se o participante que fez o prato entrará em seu time. Se mais de um chef optar pelo mesmo profissional, este escolhe com quem vai querer ficar. Sim, a comparação com o The Voice é inevitável. Outro reality lembrado pela dinâmica do programa é o SuperStar, já que um grande telão vai se abrir caso o participante seja escolhido.

O Brasil no centro do programa

Estreando como apresentador na TV aberta, Claude Troisgros – que na GNT se popularizou à frente do Que Marravilha! – destaca que Mestre do Sabor terá uma pegada tipicamente brasileira. “Tudo valoriza muito os ingredientes do Brasil e os pratos regionais. Vamos usar muitos produtos do interior do país, que nem todo  mundo conhece e que faço questão de dizer sempre que são incríveis. O brasileiro é muito rico nesse sentido e queremos mostrar isso no programa”, ressalta o chef francês, que tem 63 anos e vive no Brasil desde 1979.

Os números da atração impressionam. A cozinha do Mestre do Sabor será constituída por 12 bancadas individuais. À disposição dos participantes, estarão 220 pratos de cerâmica e porcelana personalizados para o programa, 120 facas distribuídas em 24 estojos individuais com cinco unidades cada, mais de 600 utensílios, dezenas de eletroportáteis e cerca de 350 itens no mercado para os participantes explorarem toda a criatividade. O cenário tem cerca de 700 metros quadrados e há até espaço para uma plateia de 300 pessoas.

Entenda as seis fases da atração

Ao longo da exibição do Mestre do Sabor, seis fases distintas vão conduzir os participantes do sonho de integrar a bancada na cozinha à glória da vitória na final. São elas:

Prato de Entrada: para garantir uma das 24 vagas no reality culinário, chefs profissionais de diversas partes do Brasil preparam seu melhor prato. Em seguida, os chefs Leo Paixão, Kátia Barbosa e José Avillez provam sem saber quem criou e decidem se o candidato entra em seu time ou não. Se mais de um chef escolher o mesmo candidato, este escolhe em que time quer entrar. Cada equipe terá oito integrantes.

Na Pressão: esta fase tem duas etapas. Na primeira, em formato time contra time, chamado Menu Confiança. Cada equipe faz um menu completo e quem avalia o resultado é Claude, que imuniza aquela que vencer. Na segunda etapa, a Batalha dos Cucas, os participantes dos outros dois times cozinham individualmente e são avaliados por Avillez, Paixão e Kátia. Então, dois concorrentes serão eliminados.

Duelos: esta etapa tem duelos em estilo mata-mata. Independentemente dos times, duplas são formadas por escolha dos próprios cozinheiros e fazem a prova, disputando a preferência dos chefs. O melhor de cada duelo segue na competição.

Na Balança: esta fase tem duas etapas. Na primeira, os participantes cozinham um prato, avaliado por Avillez, Kátia e Paixão. Os escolhidos, avançam para a semifinal. Os outros voltam a cozinhar individualmente e os melhores completam a semifinal.

Semifinal: também em duas partes, na primeira cada um faz um prato e Claude volta ao papel de avaliador. Ele escolhe os dois melhores e seus criadores vão para a final. Em seguida, Avillez, Katia e Paixão escolhem outros dois.

Final: com duas etapas, vai definir, ao vivo, o grande vencedor do Mestre do Sabor, que levará o prêmio de R$ 250 mil.

Últimas notícias