Globo vai reprisar novela Flor do Caribe a partir do dia 31. Veja detalhes

A emissora mostra novamente a história de Ester e Cassiano na Vila dos Ventos às 18h, a partir do próximo dia 31

atualizado 11/08/2020 12:01

Divulgação

Sol, mar, areia, um cenário paradisíaco e uma história de amor de tirar o fôlego voltam à telinha na edição especial de Flor do Caribe, novela de Walther Negrão, com direção artística de Jayme Monjardim, que estreia no próximo dia 31 na TV Globo. Ester (Grazi Massafera), Cassiano (Henri Castelli) e a Vila dos Ventos – cidade fictícia situada no litoral brasileiro – chegam ao horário das seis com o frescor das dunas e a brisa das imagens gravadas nas praias do Rio Grande do Norte, no Nordeste do país, e também na Guatemala.

Com a volta da novela, o público vai ter a chance de rever a saga desse casal: uma mulher, que será capaz de ultrapassar os obstáculos impostos pela vida para ficar com seu grande amor, e um homem, que desafia o destino em nome da justiça e em busca de seu amor interrompido.

Ainda na juventude, Ester e Cassiano descobrem o amor verdadeiro. Ela, uma guia turística que faz passeios de buggy; ele, piloto líder do esquadrão de caças da Aeronáutica. Mas, como nada sobre o amor é previsível, até em um lugar perfeito podem nascer as mais diversas provações. O namoro, que mais parecia um oceano de águas tranquilas, é tomado por uma forte tempestade quando Cassiano desaparece misteriosamente no Caribe, vítima de uma armação de Alberto (Igor Rickli), amigo de infância dos dois, que sonha em se casar com Ester. O golpe articulado por ele muda completamente o rumo da vida do casal. Ester se descobre uma nova mulher e Cassiano se vê obrigado a enfrentar grandes perigos para reencontrar o seu grande amor.

Para o diretor artístico Jayme Monjardim, a novela foi um marco em sua vida. “Foi incrível! Um trabalho feito com muito amor e carinho. A proposta era trazer de novo o litoral brasileiro, um pouco de leveza, histórias apaixonantes, muita ação e aventura”, comenta.

Leonardo Nogueira, diretor-geral, relembra momentos das gravações. “Foi uma das novelas com o maior número de eventos que já fiz. Tínhamos muitas sequências de ação em Natal, na Guatemala e viajamos bastante durante a pré-produção. Para realizar as sequências dos aviões caças com o elenco, levamos três meses. Voamos num Hércules com a equipe e todo nosso equipamento, com quatro caças colados no avião. A experiência foi incrível”, diz.

O ator Henri Castelli, que interpretou o personagem Cassiano, relembra as amizades que surgiram nos bastidores da novela e a expectativa para a estreia: “Fiquei muito feliz quando soube da edição especial, nem acreditei. Essa foi uma novela muito especial. A primeira coisa que fiz foi ligar para o Walther Negrão, meu amigo. Fiz quatro novelas dele. A gente se divertiu muito e fizemos muitos amigos. Temos grupos no Whatsapp até hoje. Do elenco, da equipe…Nos falamos sempre e formamos uma família. Tivemos as viagens, sendo 45 dias no Rio Grande do Norte, e quase 30 dias na Guatemala, e isso uniu muito a gente. A diferença que isso fez na novela transpareceu no ar”.

Grazi Massafera lembra com carinho da época que marcou a maternidade em sua vida. “Vai ser especial ter a oportunidade de assistir ‘Flor do Caribe’ novamente. A Sofia era pequenina na época e quem sabe agora ela não assiste comigo? Sem contar que as paisagens do Rio Grande do Norte são de perder o fôlego. Pipa é um dos lugares mais incríveis que já conheci”, conta ela.

Últimas notícias