Globo usa casais reais em série sobre amor na pandemia: veja como será

Com estreia prevista para setembro, nova produção contará com Taís Araújo e Lázaro Ramos; Luisa Arraes e Caio Blat, entre outros

atualizado 20/07/2020 12:26

Taís Araújo e Lázaro RamosDivulgação/TV Globo

Por conta da pandemia, a Globo decidiu investir em casais da vida real para levar ao ar sua nova série de comédia, Amores Possíveis. Através de atores casados ou que estão “quarentenando” junto, a produção vai contar a histórias de amor em meio ao isolamento social. As informações são da coluna de Maurício Stycer, do UOL.

A nova série reunirá quatro duplas: Fabíula Nascimento e Emílio Dantas; Fernanda Montenegro e Fernanda Torres; Lázaro Ramos e Taís Araújo; e Luísa Arraes e Caio Blat e terá seus episódios gravados direto da casa dos artistas com instruções da produção via chamada de vídeo.

“Eles operam tudo que a gente pede. A câmera que vai para a casa deles é uma câmera muito mais simples, ‘pocket’, do que a gente costuma trabalhar nos estúdios. De um jeito que eles consigam fazer. Eles recebem microfones. Tem que posicionar ‘boom’, lapela, botar refletor, operar a câmera, ajustar tripé, fazer absolutamente tudo, com todos nós aqui, de cada departamento, instruindo”, contou Patrícia a publicação.

Encabeçado pelo autor Jorge Furtado, a produção contará com quatro episódios. “A ideia veio de uma urgência de fazer alguma coisa, de trabalhar, de contar histórias […] “É uma aventura. Estamos indo para Marte. É uma coisa nova, total. Eu disse para a Patrícia: o bacana da história é que tem alto risco de dar errado. Aí fica divertido”, brincou o autor.

0

Com título provisório, Amores Possíveis terá cada episódio escrito por um autor diferente. O protagonizado por Taís e Lázaro foi escrito por Alexandre Machado; o com Caio e Luisa pelo próprio Furtado. O capítulo de Fabiula e Emilio teve Jô Abdu e Adriana Falcão como autores.

Por fim, o episódio com Fernanda Montenegro e Fernanda Torres foi escrito por um time de autores: Antônio Prata, Chico Matoso, Jorge Furtado e a própria Fernanda Torres. Este, o único episódio gravado por uma equipe profissional, já que Torres é casada com o cineasta Andrucha Waddington e dois filhos deles, Pedro e Joaquim, também trabalham no meio e participaram da produção.

A nova série tem previsão de estreia para setembro indo ao ar sempre às terças-feiras. A produção trará uma nova história a cada um dos episódios de um total de quatro, com capítulos de cerca de 25 minutos.

Últimas notícias