Globo analisa paralisar exibição do É de Casa, diz coluna

O programa passa aos sábados e tem 5h de duração. Por isso, a movimentação de Patricia Poeta, Zeca Camargo e Ana Furtado no estúdio continua

atualizado 08/04/2020 10:00

Apresentadores do programa É de CasaReprodução/TV Globo

Desde que a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou o coronavírus como pandemia, a situação tem se agravado quando o assunto é as produções originais das emissoras de TV. A Rede Globo já suspendeu do ar O Encontro, Mais Você, Se Joga, Domingão do Faustão e, segundo a coluna Flávio Ricco, do portal UOL, analisa suspender a gravação do É de Casa.

O programa passa aos sábados e tem 5h de duração. Por isso, a movimentação de Patricia Poeta, Zeca Camargo e Ana Furtado no estúdio continua.

Mesmo com metade do pessoal e apostando em chamadas on-line, a suspensão do programa está em análise e a decisão deve sair nos próximas dias, segundo a coluna.

A decisão da Globo de manter a produção matinal no ar, de acordo com a colunista Fábia Oliveira, tem gerado insatisfação na produção.

Todo mundo segue trabalhando normalmente e somente Cissa Guimarães permanece afastada por ter 62 anos e fazer parte do grupo de risco. O único cuidado a mais, adotado por conta do coronavírus, foi diminuir o número de convidados e estabelecer uma espécie de triagem para garantir que eles não sejam portadores da doença.

Mais lidas
Últimas notícias