Bonner é convocado pela TV Globo para renegociar contrato de trabalho

Boa parte dos jornalistas é contratada como Pessoa Jurídica. Agora, a emissora busca alterá-los para o regime CLT

Reprodução/TV GloboReprodução/TV Globo

atualizado 25/07/2019 11:53

Chegou a vez de William Bonner. Depois de Marcos Uchôa, Márcio Canuto, Tino Marcos, dentre outros, o principal nome do jornalismo da TV Globo será convocado para negociar o vínculo empregatício com a emissora carioca.

Segundo o Na Telinha, o editor-chefe e âncora do Jornal Nacional vai iniciar as reuniões em breve para decidir como ficará sua situação. A TV Globo está fazendo uma grande mudança em seus contratos de trabalho: querem transferir os funcionários PJ (Pessoa Jurídica) para CLT (a famosa carteira assinada).

Com 33 anos de casa, estima-se que Bonner ganhe em torno do R$ 650 mil, o maior salário entre todos os jornalistas da casa.

Na transição, o corte nos salário tem girado em torno de 40%. Alguns veteranos do jornalismo, como Márcio Canuto e Cris Dias, não aceitaram a condição e deixaram a Globo. Outros negociaram um período sabático como condição para o ‘sim’. William Bonner, no entanto, não é qualquer um. As negociações com ele serão diferentes e pontuais.

 

Últimas notícias