Após acusação de yellowface, Globo retira cena de Cara e Coragem

Yellowface consiste em atribuir a artistas brancos aspectos a fim de representar uma pessoa com etnia asiática ou oriental

atualizado 05/08/2022 18:28

Divulgação/TV Globo

A TV Globo teve que agir rápido para evitar que uma cena de yellowface fosse exibida nesta sexta-feira (5/8) na novela Cara e Coragem. A prática consiste em atribuir a artistas brancos aspectos a fim de representar uma pessoa com etnia asiática ou oriental.

O caso foi notado por telespectadores que criticaram o folhetim por usar atores brancos em um comercial fictício inspirado na cultura chinesa. Bruno de Luca, Ana Clara Lima, Paolla Oliveira e Marcelo Serrado foram os atores selecionados para a cena que utilizaria trajes, acessórios e maquiagem da cultura chinesa.

Publicidade do parceiro Metrópoles
0

Outra observação importante é que a cena não estava prevista no roteiro escrito pela autora Claudia Souto. No texto desenvolvido por ela, não existiam menções à cultura asiática em nenhuma parte das gravações.

A cena foi divulgada pelo Gshow nas redes sociais e também pela comunicação da emissora. Os atores ensaiaram para a gravação nos dias anteriores, mas as cenas foram cortadas após as observações e críticas feitas pelos internautas. Confira a reclamação de Bruna Tukamoto para entender o caso:

Mais lidas
Últimas notícias