Aguinaldo Silva não tem contrato renovado e deixa a Globo

O escritor foi autor de sucessos como Partido Alto, Vale Tudo e O Sétimo Guardião. Ele ficou na emissora por 40 anos

atualizado 02/01/2020 17:38

Aguinaldo SilvaInstagram/Reprodução

O grupo Globo anunciou, nesta quinta-feira (02/01/2019), que não renovará o contrato do autor Aguinaldo Silva. Em comunicado, a empresa informa que o consagrado teledramaturgo não tem novas obras previstas na emissora.

No texto, a Globo agradece ao autor pelos textos. “Ao longo dos mais de 40 anos dessa parceria de sucesso, foram mais de 20 trabalhos em conjunto, entre os quais Império, que ganhou o Emmy Internacional de Melhor Novela em 2014″, diz a emissora.

0

Aguinaldo Silva tem uma currículo de peso na história da telenovela brasileira. Ele participou de 14 produções, como Partido Alto (1984), O Outro (1987), Vale Tudo (1988), Tieta (1989), Pedra Sobre Pedra (1992), Fera Ferida (1993, A Indomada (1997), Suave Veneno (1999), Porto dos Milagres (2001), Senhora do Destino (2004), Duas Caras (2007), Fina Estampa (2011), Império (2014) e O Sétimo Guardião (2018).

O Sétimo Guardião, no entanto, não teve boas marcas de audiência. Seu último trabalho na Globo tinha no elenco Lília Cabral, Letícia Spiller, Dan Stulbach e outros grandes nomes.

Também na Globo, Aguinaldo Silva atuou como coautor e supervisor em obras importantes, como Roque Santeiro (1985) e Meu Bem Querer (1998).

Confira abaixo a íntegra do comunicado:

“Sem nova obra prevista, a Globo decidiu não renovar o contrato com o autor Aguinaldo Silva.

Ao longo dos mais de 40 anos dessa parceria de sucesso, foram mais de 20 trabalhos em conjunto, entre os quais Império, que ganhou o Emmy Internacional de Melhor Novela em 2014.”

Últimas notícias