*
 

Em curtíssima temporada, a comédia Eu Odeio Meu Chefe, do grupo G7, retorna aos palcos brasilienses. Com duas apresentações no Teatro Marista (615 Sul) e três no Teatro Católica (Taguatinga), a peça se propõe a discutir as relações de trabalho e o lado engraçado desse “mal necessário”.

A comédia conta a história de Raneri, um jovem obrigado a aguentar os abusos de três chefes diferentes. A trama é cheia de contratempos e falhas de comunicação, com episódios hilários como o do diretor de contabilidade da empresa, Senhor Domingos, que acidentalmente usa drogas; e o moto-office-hip-hop-boy Vancledston, apaixonado por Dona Zelayde, a secretária cujo sonho é estrelar um filme pornô.

Eu Odeio Meu Chefe
3 e 10 de novembro, às 19h e às 21h30, no Teatro Marista (615 Sul). 15, 16 e 18 de novembro, no Teatro Católica (QS 7, Lote 1, Taguatinga). Quinta e sábado, às 21h30; domingo às 20h. Entrada: R$ 30 (meia-entrada). Valores sujeitos à alteração. Não recomendado para menores de 12 anos