Morre, aos 72 anos, cantor e compositor Moraes Moreira

Segundo o irmão do artista, Moraes foi encontrado morto em sua casa, no Rio de Janeiro, pela empregada. Ele sofreu um infarto

atualizado 13/04/2020 17:10

moraes moreiraDivulgação

O cantor Moraes Moreira morreu nesta segunda-feira (13/04), aos 72 anos, em sua casa, na Gávea, Rio de Janeiro. A causa da morte, segundo a assessoria do artista, foi um infarto.

“Foi encontrado em casa morto, no Rio de Janeiro. A gente não sabe direito o que ocorreu. Nem eu, nem as irmãs sabemos. Foi na madrugada. A empregada foi limpar o apartamento e encontrou ele morto. Ele morava só ultimamente. Só sei disso por enquanto”, disse Eduardo Moraes, irmão do cantor, ao portal G1.

As informações sobre o velório e enterro de Moraes Moreira não serão divulgadas, justamente para evitar aglomerações, conforme recomendam vários órgãos de saúde como prevenção ao novo coronavírus.

Moraes ficou conhecido pelo grupo Novos Baianos, formado ao lado de Paulinho Boca de Cantor, Pepeu Gomes, Baby do Brasil e Luiz Galvão. Eles são responsáveis por um dos discos mais lembrados da música brasileira, Acabou Chorare (1972).

Já em carreira solo, que começou em 1975, ele lançou mais de 20 discos e ficou conhecido por canções como Sintonia e Pombo Correio.

Recentemente, Moraes usou da criatividade para compor um cordel sobre o novo coronavírus. Nos versos, o compositor mostra tensão e medo em relação à pandemia de Covid-19, mas, ao mesmo tempo, não se esquece das balas perdidas que constantemente causam vítimas no Brasil.

 

0

Mais lidas
Últimas notícias