*
 

A cantora Ivete Sangalo abriu o jogo sobre as dificuldades do início da carreira na Banda Eva. As revelações foram feitas ao ao apresentador e amigo Serginho Groisman, no quadro Linha do Tempo, do Altas Horas. Na entrevista transmitida no último sábado (2/6), a baiana relembrou momentos tristes como a morte do pai e irmão, além do baixo cachê em sua estreia no trio.

Ivete narrou ao Serginho a depressão vivida por sua mãe, devido às mortes do pai, em julho de 1988, vítima de um infarto, e do irmão, em janeiro de 1989, depois de um acidente. De acordo com ela, esses acontecimentos a levaram a amadurecer antes da hora, mas não abalaram a infância feliz com a família.

A musa do axé contou, ainda, receber apenas R$ 150, por show, enquanto era a vocalista da Banda Eva.  Ivete recorda também o dia em que teve de pedir dinheiro emprestado a banda para pagar os custos com hospitais, após a mãe sofre um AVC. “Tive de fazer shows e mais shows até conseguir pagar a dívida com eles. Foi um ‘ranca couro’, mas valiosíssimo para mim, ali encontrei meus primeiros fãs”, considera.

 

 

 

 

COMENTE

ivete sangaloempréstimobanda evaCachêSerginho Groisman
comunicar erro à redação

Leia mais: Música