Entre o medo e a esperança: veja as músicas da pandemia de Covid-19

Mil entrevistados pela agência Leo Burnett consideram que O Dia em que a Terra Parou, de Raul Seixas, é a canção que mais remete à crise

Divulgação

atualizado 22/05/2020 15:22

Uma música de 1977, inspirada em um filme de ficção e gravada por um dos maiores artistas da cultura nacional virou uma espécie de hino da pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Trata-se de O Dia Em Que a Terra Parou, de Raul Seixas, apontada como a música que melhor descreve o atual momento: o resultado está no estudo da agência de propaganda Leo Burnett em parceria com a MindMiners.

A pesquisa faz um retrato emocional dos brasileiros em meio à pandemia do coronavírus. Com mil respondentes, a empresa mostrou quais são as músicas, segundo os entrevistados, que mais representam o momento de crise que estamos vivendo.

De acordo com o estudo, O Dia Em Que a Terra Parou, de Raul Seixas, é a canção que mais remete à pandemia, ficando em primeiro lugar no Top 10. O principal tema da música é a paralisação: ninguém saiu de casa para fazer suas atividades, pois sabiam que o planeta também se manteria recluso.

“Essa música, escolhida por tantas pessoas, nos diz muito sobre tudo o que estamos sentindo durante essa pandemia. A faixa traz a sensação de um tempo distópico, de paralisação compulsória e de impotência”, avaliam os autores do estudo.

Em segundo lugar aparece Trem-Bala, de Ana Vilela, e Dias Melhores, do Jota Quest, em terceiro. As canções são seguidas por Tempo Perdido, do Legião Urbana; Porque Ele Vive, de André Valadão e César Menotti & Fabiano; Girassol, de Whindersson Nunes e Priscilla Alcântara; Pais e Filhos, de Legião Urbana; Paciência, de Lenine; Imagine, de John Lennon; e Vai Passar, de Eliane Fernandes.

0

Em comum, as músicas misturam nostalgia e letras que falam de reflexão e esperança. “Embora ainda não saibamos como vencer esse inimigo, e como normalizar a situação, a ideia de que estamos caminhando e tentando sair dessa é uma força importante que nos dá aquele alívio”, indica a pesquisa.

Raul Seixas, Legião Urbana e Roberto Carlos, por sua vez, são os três, músicos/bandas mais citados, respectivamente.

Além disso, entre os gêneros musicais, o gospel foi o escolhido como o que melhor representa este momento (29%). Ainda no ritmo sonoro, com a falta de perspectiva de futuro, a viagem ao passado tem se tornado uma escolha poderosa: 43% lembraram hits que marcaram a década de 2010.

Últimas notícias