Emicida chama Bolsonaro de inútil e assassino durante live

O rapper criticou o presidente e disparou: "Eleja uma assassino e espere um genocídio"

EmicidaDivulgação

atualizado 11/05/2020 12:34

O rapper Emicida não poupou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de duras críticas durante sua live, transmitida nesse domingo (10/05), pelo YouTube. o rapper chamou o presidente de assassino, por conta das mortes decorrentes da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Antes de cantar a música Bang!, Emicida lembrou de um caso que ocorreu nos Estados Unidos. Uma mulher usou uma camiseta com os dizeres “eleja um palhaço e espere um circo”, em referência à chegada de Donald Trump à Casa Branca.

0

“Quando a gente traz para a realidade do Brasil, a gente vê as atitudes desse inútil que está ocupando o Palácio do Planalto. Aí você pensa, mano: Eleja um assassino e espere um genocídio”, afirmou Emicida.

O rapper seguiu suas críticas, lembrando um discurso de Bolsonaro feito em 2017, quando o então pré-candidato disse que um quilombola pesava “sete arrobas”.

“O que tem de mais nojento nesse país está representado por esse pensamento. Pensamento de gente que olha pra nós e diz ‘neguin está cheio de marra’. Daqui pra frente vai piorar pra vocês, a gente não vai regredir não”, conclui Emicida.

De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil registou, até esse domingo (10/05), mais de 11 mil mortes decorrentes da Covid-19.

Últimas notícias