*
 

A cada novo trabalho, a britânica Charli XCX demonstra seu interesse em experimentar com os limites da música pop. Enquanto não lança o terceiro álbum de estúdio, previsto para o fim deste ano, a jovem disponibilizou na última sexta-feira (10/3) a mixtape “Number 1 Angel”.

Composto por 10 faixas, o trabalho não deve ser o responsável por catapultar Charli ao estrelato, mas traz um interessante conjunto de batidas pop e R&B de um jeito que só a jovem sabe fazer.

Quase como um camaleão, a britânica costuma mudar de estilo a cada trabalho e “Number 1 Angel” não é diferente. Menos introspectiva que o primeiro álbum, “True Romance”; mais lenta que o segundo, “Sucker”; e menos agressiva que o EP “Vroom Vroom”, a mixtape tem batidas esfumaçadas e pitadas de trap em uma roupagem pop e feminina.

O trabalho foi produzido em maior parte pelo coletivo PC Music, queridinhos do pop eletrônico de vanguarda. As já características batidas distorcidas e cheias de truques voltam a aparecer aqui, mas de forma sutil. O trabalho ainda pode parecer estranho em alguns momentos, mas é mais palatável que as últimas colaborações entre Charli e o coletivo, como “Trophy”.

Também colaboram no projeto diversas artistas femininas que têm ganhado espaço na cena alternativa como Uffie, ABRA, Starrah, Raye e a rapper Cupcakke.

A mais famosa é a dinamarquesa MØ, conhecida como a voz por trás de hits do Major Lazer, como “Lean On” e “Cold Water”. As participações também reforçam a sensação de poder feminino exalado por Charli e pela mixtape.

Responsável por escrever hits massivos como “I Love It”, do Icona Pop; e “Same Old Love”, da Selena Gomez, Charli parece não estar interessada em seguir as regras do universo pop. Para si, ela mantém os refrões pegajosos, mas envoltos em um trabalho mais alternativo e sem medo de arriscar. Pode não fazer tanto sucesso, mas é, sem dúvida, um sopro de novidade no mundo das divas pop.

Avaliação: Bom

Ouça: “Dreamer (ft. Starrah & Raye)”, “Blame It On U”, “Drugs (ft. ABRA)”

Disponível no Youtube, Spotify, Apple Music, Itunes, Deezer, Google Play, Soundcloud e Napster

 

 

COMENTE

críticaCharli XCXNumber 1 Angel
comunicar erro à redação

Leia mais: Música