*
 

O Guará é uma região administrativa do Distrito Federal famosa pelo clima intimista e bares agitados. O Metrópoles selecionou cinco locais onde você pode curtir uma noite ou tomar uma cerveja gelada.

Felipe Menezes/Metrópoles

Conheça cinco bares no Guará para agitar e tomar cerveja gelada Com saraus de poesia, música ao vivo, petiscos e bebidas diversas, os locais trazem características intimistas e acolhedoras

Lampião
O bar e bistrô tem temática nordestina. O espaço Virgulino foi pensado para confraternizações e área de convivência. O local serve cervejas especiais e drinques diversos, como o Lampião que leva vodka, beterraba, flor de hibisco e Aperol.

Para comer, hambúrgueres artesanais, petiscos e o carro-chefe Cadela Quente do Sertão, versão do cachorro-quente feito com carne, vencedor do prêmio Comida de Boteco 2016. Os ingredientes predominantes no menu também são característicos da região Nordeste, como carne seca e queijo coalho. A casa também oferece música ao vivo às sextas e aos sábados.

QE 40, Rua 15, Lote 2, Guará 2. Terça e quarta, das 15h à 0h. Quinta e sexta, das 15h às 2h. Sábado, das 10h às 2h. Domingo, das 10h à 0h.

Savassi

O local funciona há 10 anos e é famoso pela carne de sol, acompanhada de arroz, feijão verde, paçoca de pilão, queijo de coalho, manteiga e cheiro verde. A casa também oferece feijoada, servida no almoço de sábado. Para beber, chope, caipiroska e cerveja. A casa comporta 240 pessoas e tem música ao vivo às sextas, com MPB, e no sábado, duplas locais de sertanejo.

QI 22, Bloco B, Loja 37, Guará 1. De Domingo a quinta, das 11h à 0h. Sexta e sábado, das 11h às 2h.

Chalé da Traíra
Entre frutos do mar, petiscos e pastéis, o local é opção para grupos grandes de pessoas. O prato principal é a traíra sem espinha, com opções de vários tamanhos e acompanhamentos como arroz, feijão tropeiro, farofa e salada. A dica é aproveitar o pastel Carta Virada, feito com linguiça, couve, queijo e geleia de pimenta.

A cerveja gelada, com preço em conta, chama a atenção, além da carta de cachaças. A música ao vivo traz sertanejo, MPB e sucessos da atualidade. Também tem uma jukebox que o público pode escolher a música.

QE 42, Conjunto A, Guará 2. De segunda a domingo, das 11h à 0h.

Felipe Menezes/Metrópoles

O Maloca tem ar intimista que combina com o Guará

Maloca
A maloca é um ponto de encontro no Guará 2. Pensado para promover a cultura local, o ambiente traz feiras, exposição de artesanato, saraus com poesia, música e outras atividades.

A casa serve hambúrguer de ervilha, kibe de cenoura, brownie vegan, pão sem queijo e aperitivos. O prato mais caro é o bolinho de bacalhau (23,90). Nos finais de semana, um trio de forró anima o local.

QE 32, Conjunto M, Loja 31, Guará 2. De quinta à sábado, de 18h a 0. Dois domingos no mês, de 15h a 23h.

Felipe Menezes/Metrópoles

Bar Sossega Madalena oferece música ao vivo

Sossega Madalena
Próximo à estação do metrô, o bar traz uma variada lista de petiscos, com destaque para a picanha na chapa com batatas fritas. A pimenta dedo de moça empanada e recheada com carne seca e queijo também merece ser degustada..

No menu de bebidas, a casa oferece drinques e cervejas. Às quintas-feiras, sextas e sábados, a casa recebe músicos locais. O ambiente tem várias televisões que transmitem jogos de futebol e lutas.

QI 22 Conjunto I Lote 104 Guará 1. Terça a quinta, das 16h à 0h. Sexta e sábado, das 12h às 2h. Domingo, 12h à 0h.

 

 

COMENTE

guarásossega madalenabarMalocaLampiãoSavassi
comunicar erro à redação

Leia mais: Entretenimento