Joss Whedon confundia Mulher-Maravilha com Viúva Negra, diz ator

Intérprete de Ciborgue voltou a criticar comportamento do diretor Joss Whedon no set de Liga da Justiça, em 2017

atualizado 17/03/2021 15:40

Ray Fisher, em Liga da JustiçaReprodução

Ray Fischer, o Ciborgue de Liga da Justiça, voltou a falar sobre o comportamento do diretor Joss Whedon nos bastidores do longa, em 2017. Após ter acusado o cineasta de ser “abusivo e antiprofissional” com todo o elenco, o ator afirmou que Whedon não teria superado a fraca recepção de Vingadores: Era de Ultron (2012) e costumava trocar o nome das personagens Mulher-Maravilha (Gal Gadot) e Viúva Negra (Scarlet Johansson) no set de filmagens.

“É possível reparar em algumas cenas que foram produzidas”, disse Fisher à Vanity Fair. “O Flash caindo no peito da Mulher-Maravilha é algo que ele tirou direto de Era de Ultron e só jogou ali. Na minha primeira reunião criativa, ele ficava chamando Diana de Natasha, o que é loucura. Essas foram algumas das conversas que me forçaram a ter com ele antes de me entregarem os roteiros. Ele diminuía muito as pessoas no set, ficava zoando a versão anterior (de Zack Snyder), os atores e a equipe”, completou.

Em agosto do ano passado, a Warner abriu investigações para apurar denúncias feitas por Fisher nos bastidores de Liga da Justiça. O ator afirmou em suas redes sociais que o comportamento do diretor Joss Whedon era “nojento, abusivo, antiprofissional e completamente inaceitável”.

0

No último mês de dezembro, a WarnerMedia concluiu o processo e disse que “ações corretivas” seriam tomadas, sem divulgar maiores detalhes. Após as denúncias, a participação do ator em futuros projetos da DC ficou em xeque e ele deixou o elenco do filme solo de Flash, em que estava confirmado. Porém, Fisher está confirmado no SnyderCut. 

Diretor dos dois primeiros longas dos Vingadores, Whedon assumiu o longa da Liga da Justiça após Zack Snyder se afastar das filmagens por problemas familiares. A criticada versão que foi para os cinemas acabou aumentando a torcida pelo lançamento do corte de Snyder, que, enfim, estreia nesta quinta-feira (18/3) no HBO Max nos EUA em aluguel no Brasil.  

Últimas notícias