Jim Carrey critica palmas a Will Smith no Oscar: “Não tem escrúpulos”

O ator também garantiu que, no lugar de Chris Rock, teria processado o marido de Jada Pinkett Smith: "Ele não quis ter o trabalho"

atualizado 29/03/2022 20:02

Reprodução

Jim Carrey se posicionou sobre o tapa dado por Will Smith em Chris Rock na noite do Oscar, no último domindo (27/3). Em entrevista no programa CBS Mornings, o ator afirmou ter se sentido enojado pela plateia da premiação ter aplaudido Smith de pé.  “Hollywood não tem escrúpulos e tive a sensação que foi uma indicação clara de que não somos mais um clube legal”, disse sobre Smith ter sido premiado com a estatueta de Melhor Ator do ano.

Carrey também garantiu que, no lugar de Chris Rock, teria processado o marido de Jada Pinkett Smith. “Ele não quis ter o trabalho”, continuou o ator. “Eu teria avisado pela manhã que iria processar o Will em 200 milhões de dólares porque aquele vídeo existirá para sempre e será onipresente. Esse insulto irá durar por muito tempo. Se você quiser, pode gritar algo da plateia ou mostrar que não gostou no Twitter, mas você não tem o direito de subir no palco e bater no rosto de alguém porque a pessoa disse palavras”, opinou o veterano.

Jim Carrey ainda completou: “Aquilo surgiu do nada porque Will tem algo acontecendo dentro dele que é muito frustante. Eu desejo o melhor para ele, de verdade. Não tenho nada contra Will Smith, ele já fez coisas incríveis. Mas aquele não foi um bom momento. Você joga um pano sobre um momento especial para todos. Muitas pessoas trabalharam muito para estar ali. E ter o momento de brilhar delas, de receber um prêmio pelo trabalho que fizeram, e não é um trabalho fácil conseguir ser indicado a um Oscar, é preciso muita devoção… foi um momento muito egoísta que encobriu todo o resto”, concluiu.

0

 

 

Entenda o caso:

Durante a cerimônia de entrega do Oscar 2022, realizada na noite do último domingo (27/3), uma cena chamou atenção de todos os presentes. O humorista Chris Rock apresentava a categoria de Melhor Documentário, quando fez uma piada sobre Jada Pinkett Smith.

Após a fala, Will Smith, que concorre à categoria de Melhor Ator, subiu ao palco e deu um tapa em Chris Rock. O humorista fez uma brincadeira com o fato de Jada estar careca — ela perdeu os cabelos por conta da alopecia e assumiu o visual.

Após a agressão, Will Smith voltou para sua cadeira e disparou: “Não fale nada sobre minha mulher” e “Tire o nome da minha mulher da sua boca”. Chris Rock, então, falou: “É, eu fui agredido por Will Smith”. Em seguida, o humorista apresentou a categoria de Melhor Documentário, que foi vencida por Summer of Soul.

Veja o vídeo:

Mais lidas
Últimas notícias