Ron Bugado

Força da amizade: 6 motivos para assistir Ron Bugado, animação da Disney

Barney e Ron falam sobre superação e a força que uma amizade pode ter. O filme estreia em 21 de outubro nos cinemas

atualizado 18/10/2021 17:39

Ron BugadoDivulgação/ Disney

As famílias brasileiras terão uma nova animação disponível nas salas de cinema e poderão conhecer uma dupla de amigos tão divertida quanto problemática: Barney e Ron.

Eles são os protagonistas de Ron Bugado, o novo filme de animação da 20th Century Studios e Locksmith Animation, que conta a história de Barney, um tímido aluno do ensino fundamental que ganha de presente de aniversário Ron, um novo dispositivo digital conectado que anda e fala, criado para se tornar seu novo melhor amigo. Barney logo percebe que há algo de errado com seu novo companheiro.

Ron não sabe nada sobre seu dono, seus circuitos têm defeitos e Barney percebe que por mais que o reinicie várias vezes, Ron não se tornará seu melhor amigo. Mas, ao contrário dos outros robôs, Ron é infinitamente curioso e muito leal, e está determinado a apoiar Barney em tudo. Pouco a pouco, a dupla desenvolve uma verdadeira amizade que redefine os limites da tecnologia.

0

Veja seis motivos para assistir ao longa, que estreia em 21 de outubro nos cinemas:

1. Equipe talentosa

A história de Barney e Ron foi criada por renomados talentos da indústria da animação. O filme é dirigido por Sarah Smith, que roteirizou e dirigiu a animação de 2011 Operação Presente, e o veterano da Pixar Jean-Philippe Vine, artista de storyboard de Carros 3 e O Bom Dinossauro.

Ao mesmo tempo, o filme conta com a codireção de Octavio E. Rodríguez, artista de storyboard de Viva-A Vida é uma Festa e Os Incríveis 2.

O roteiro é de Smith e Peter Baynham, roteirista de Operação Presente e Hotel Transilvânia. Junto com Lockhart, Lara Breay, que é conhecida por seu trabalho em Os Pinguins de Madagascar e Megamente, atua como produtora do filme.

2. História fala com todos

Ao criar a história de Ron Bugado, e mais especificamente, o personagem de Barney, os cineastas se concentraram em um sentimento universal. No filme, Barney está começando o ensino fundamental e tem dificuldades em fazer amigos. Ele acredita que um B*Bot garantirá sua popularidade na escola e o ajudará a enfrentar qualquer desafio social que apareça em seu caminho.

“Queríamos fazer um filme sobre as amizades das crianças na era das mídias sociais e aquele sentimento universal que toda criança tem de que todas as outras pessoas têm tudo resolvido, menos ela. A maioria de nós carrega esse sentimento por toda a vida”, explica Smith.

Neste sentido, o filme não só fala com crianças e adolescentes, mas também traz uma fácil identificação com os adultos. Afinal, quem já não passou pela mesma situação de Barney?

3. Elenco de voz nacional

Algumas das vozes da dublagem nacional já foram confirmadas, e são atores conhecidos do público brasileiro. Sophia Abrahão dá voz a Miss Daisy, professora de Barney, enquanto Marcelo Serrado dubla Graham Pudowski, o pai do garoto. Já Sérgio Malheiros é a voz por trás do CEO da loja Bubble Inc, Marc Wydell, onde Graham comprou o B*Bot Ron.

4. Nova empresa de animação

A chegada desta história nas telonas marca a estreia oficial nos cinemas da empresa de animação Locksmith Animation.

“Queríamos ter certeza de que o filme estabeleceria o nível de qualidade para a empresa no futuro”, diz Julie Lockhart, produtora do filme e presidente de produção da Locksmith. Sediada no Reino Unido, a produtora é fundada e liderada por mulheres. Foi criada em 2004 por Lockhart e Sarah Smith, em associação com Elisabeth Murdoch.

5. Trilha sonora

A trilha sonora de Ron Bugado inclui a canção Sunshine de Liam Payne, criada especialmente para o filme. Lançada no final de agosto, o tema musical conta com seu próprio videoclipe, com imagens do filme e a participação do ex-integrante do One Direction. Payne também empresta sua voz a um personagem na versão em inglês do filme.

6. Significado da amizade

A amizade única que nasce entre Barney e Ron traz uma maravilhosa lição para os espectadores. A história mostra que nossos melhores amigos nem sempre são iguais a nós, e que os laços mais próximos podem ser, muitas vezes, complicados e confusos.

Ron e Barney são uma dupla de amigos improváveis, completamente diferentes, mas ao longo do filme, eles forjam um forte vínculo que se torna muito gratificante para ambos. Nas palavras do codiretor Jean-Philippe Vine:

“O filme é uma celebração da amizade, especialmente aquelas mais confusas. Porque Ron não tem conhecimento da tecnologia social que os outros robôs usam, ele tem que construir sua própria versão de amizade com o Barney. E é muito divertido assisti-lo fazer isso!”.

Mais lidas
Últimas notícias