Thelma Assis: a médica que venceu na vida e levou o BBB20

A participante foi um dos principais destaques da 20ª edição do Big Brother Brasil: ela disputou título com Manu e Rafa

atualizado 28/04/2020 0:13

Thelma-Assis BBB20Arte/Metrópoles

Thelma Assis conseguiu o improvável neste BBB20. Saída do grupo dos “inscritos”, a médica rompeu o favoritismo da turma do camarote e sagrou-se a campeã do Big Brother Brasil.

Thelma teve uma trajetória oscilante no jogo: a sister, nas primeiras semanas, chegou a ser chamada de planta, por conta de sua atuação discreta.

Injustiça? Talvez! Pois Thelma sempre esteve em meio às principais narrativas do BBB20. Ela participou do movimento das meninas de cobrar a ala masculina do jogo por mais respeito. E, por sua vivência como mulher negra, teve atuação ativa nos debates raciais.

O primeiro grande embate de Thelma foi com Lucas Galina. Os dois estavam na Xêpa e, indignada que o brother deu zero estalecas para as compras, ela partiu para cima dele. A postura deu resultado: Lucas foi eliminado do programa.

0

Thelma, então, cresceu no jogo. Disputou com Flayslane a permanência na casa (mesmo sem confronto direto) e saiu vitoriosa, tornando-se uma forte candidata ao título.

Debate racial

Com a saída de Babu, Thelma virou a única participante negra na casa, trazendo para si a torcida que apontou a questão racial. Além disso, Thelma conseguiu o apoio de diversos famosos, como Bruno Gagliasso e Anitta.

O debate racial também atingiu Thelma em cheio ao longo do programas. Em determinado momento do jogo, ela precisou optar por Babu ou Rafa. Fez a escolha pela amiga, baseada na plano dela permanecerem unidas.

A escolha pela aliança de gênero fez Thelma ser alvo de ofensas: chegando a ser chamada de mucama nas redes sociais – acusação, inclusive, feita pelos administradores da conta de Babu Santana.

Quem é

Nascida e criada na periferia de São Paulo, Thelma foi adotada pela funcionária pública Yara Assis e o gráfico Carlos Alberto de Assis.

A jovem, então, deu aulas de balé para pagar um cursinho pré-vestibular de medicina. Ela conquistou bolsa de estudos e foi aprovada em uma faculdade.

Atualmente, a médica anestesiologista trabalha em quatro hospitais da grande São Paulo.

Últimas notícias