Quarta vítima acusa Felipe Prior, do BBB20, de estupro

Segundo a advogada Maira Pontes, o crime da quarta vítima teria acontecido em 2015, mas as circunstâncias não foram reveladas

atualizado 16/04/2020 14:34

felipe-prior-na-prova-do-liderReprodução/Globo

Mais uma mulher teria acusado o ex-BBB20 Felipe Prior de estupro. Segundo a advogada das três vítimas anteriores, Maira Pontes, informou ao portal Notícias da TV, o crime da quarta vítima teria acontecido em 2015, mas as circunstâncias não foram reveladas.

“Eu colhi o depoimento dela, mas ainda não foi juntado ao inquérito já existente. Ela afirmou ter sido vítima de um estupro, ocorrido em 2015. Não vamos dar mais nenhum detalhe para que não seja feita nenhuma possível identificação desta mulher”, disse a advogada ao portal.

Ainda segundo Maira, o depoimento da vítima seria incluído no inquérito já instaurado e caberá ao Ministério Público decidir se o caso correrá em paralelo ou se será adicionado ao processo que já está em andamento.

Nesta terça-feira (14/4), a Justiça de São Paulo negou pedido de habeas corpus preventivo para Prior. Na decisão, revelada pelo site Notícias da TV, a juíza Carla Santos Balestri afirmou que o pedido não poderia ser aceito porque os advogados não forneceram todas as informações para análise.

Em reportagem da revista Marie Claire, três mulheres alegam terem sido vítimas de Felipe Prior.

0

Últimas notícias