BBB20: brothers chamam youtuber de cachorro e geram revolta

Felipe Neto e Lucas Rangel, que foi ofendido, fizeram questão de protestar contra Victor Hugo e Lucas

Divulgação

atualizado 22/01/2020 16:59

Os integrantes do time Pipoca do Big Brother Brasil 20, que reúne os participantes anônimos desta edição do reality, trouxe a primeira polêmica e ganharam o ranço dos influenciadores digitais.

Durante o almoço, nesta quarta-feira (22/01/2020), os brother especulavam sobre quem estaria no Camarote – onde estão os participantes famosos da edição. No papo, Victor Hugo e Lucas citaram Lucas Rangel, que recusou o convite da produção, e o chamaram de “youtuberzinho” e “cachorro”.

Durante o preparo da comida, Victor Hugo afirmou ter certeza de que Rangel estaria na casa. O psicólogo o chamou de youtuberzinho e Lucas completou, comparado o influencer a “um cachorro, um poodle”.

O comentário gerou revolta de Lucas Rangel, que usou o Twitter para criticar os participantes. “Não vou ficar fazendo texto militante, nem batendo boca. Não quero ofender de volta, como eles fizeram comigo, sem nem mesmo conhecer ou saber quem sou. Mas vai ter exposed sim! Pelo fato de ainda diminuirem a profissão do influenciador”, escreveu Lucas.

“Eu poderia estar lá, do outro lado do muro. Até porque me chamaram e eu me sentiria ridículo de conversar com pessoas que falaram algo assim, mesmo que numa brincadeira. Então vou expor mesmo porque meus amigos estão lá dentro, e eu quero que eles sejam valorizados independentemente da profissão”, concluiu.

0

Outro youtuber que entrou na polêmica foi Felipe Neto, o maior do Brasil. “Sou apenas um ‘youtubezinho’ também. Espero trabalhar bastante para um dia poder ser reconhecido como um ‘ex-BBB'”, ironizou o influencer.

Últimas notícias