Policiais penais do DF são detidos pela PRF em Goiânia

Testemunhas afirmaram que os servidores estavam embriagados e armados fora do expediente. Sesipe abriu sindicância

atualizado 12/02/2020 21:21

Dois policiais penais do Distrito Federal reagiram a uma abordagem da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e acabaram detidos. O caso ocorreu em Goiânia (GO) e foi registrado por câmeras de segurança. Testemunhas afirmam que os servidores públicos do DF estavam embriagados e armados.

A confusão, que ocorreu na última sexta-feira (07/02/2020), fez a Subsecretaria do Sistema Penitenciário do DF abrir uma sindicância para apurar a conduta dos dois servidores, que estavam de folga e fora dos limites da capital federal. A dupla assinou um Termo Circunstanciado no Departamento da Polícia Federal de Goiás e foi liberada.

As imagens mostram o carro conduzido por um dos policiais penais sendo fechado pela viatura da PRF em um posto de gasolina. Os policiais reagem à abordagem e são detidos com uso da força. Durante a confusão, um dos agentes perdeu um dente e sofreu lesões na face. Confira:

Por meio de nota, o Sindicato dos Policiais Penais do DF (Sindpen) disse que “repudia veementemente a ação de policiais rodoviários federais lotados em Goiânia que, com truculência, despreparo, abuso de autoridade e uso excessivo e desproporcional da força, prenderam ilegalmente dois policiais penais do Distrito Federal”. O Sindpen comunica que “pedirá a apuração rigorosa junto ao Ministério Público e a Corregedoria da PRF”.

Últimas notícias