Vídeo. Homem morre eletrocutado em subestação da CEB no DF

Corpo foi localizado pelo Corpo de Bombeiros em unidade de Águas Claras. Suspeita é de que estivesse furtando cabos de energia

Divulgação/CBMDF

atualizado 01/03/2020 1:43

O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) localizou o corpo carbonizado de um homem na subestação da Companhia Energética de Brasília (CEB) de Águas Claras, na Avenida Sibipiruna n° 23. A suspeita é de que ele tenha morrido eletrocutado ao tentar furtar cabos de energia.

Veja o vídeo:

“No local as equipes encontraram um corpo carbonizado de um indivíduo adulto, sexo masculino, tendo próximo ao cadáver, objetos que indicavam a possibilidade de estar efetuando o furto de cabos de energia elétrica”, comunicaram os bombeiros, em nota. Junto com o corpo foram encontrados alicate e chave de boca.

O homem não foi identificado. O Corpo de Bombeiros mobilizou para a ocorrência duas viaturas e oito militares. O caso está em investigação na 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul).

Resposta da CEB

Em nota, a CEB afirmou que às 21h31 de sábado, um dispositivo de segurança da Subestação Águas Claras acionou a central de operações da CEB, que imediatamente direcionou uma equipe de plantão para o local.

“Às 21h42, a equipe chegou ao local e encontrou um indivíduo caído no chão, com sinais de ter sofrido eletrocussão seguida de queda de uma altura de aproximadamente 3m. A equipe acionou o Corpo de Bombeiros, que constatou o óbito do cidadão, que aparentemente realizava tentativa de furto de cabos de cobre”, disse a companhia.

Em comunicações oficiais, a empresa tem reforçado o alerta para os riscos e perigos da energia elétrica. “A manipulação de cabos de energia põe em risco a vida das pessoas que praticam o delito e de quem circula nas proximidades”, acrescentou.

No comunicado, a estatal declarou estar à disposição das autoridades na investigação do caso.

Últimas notícias