Vídeo. Após ser xingado, motorista bate em passageiro no DF

A confusão ocorreu no Itapoã. Condutor teria arrancado com o coletivo, atitude que irritou o usuário

Reprodução/VídeoReprodução/Vídeo

atualizado 27/02/2019 10:39

Um motorista de ônibus da empresa Pioneira é acusado de agredir um passageiro da linha 0.101, que faz o trajeto Paranoá-Plano Piloto. O caso é investigado pela 6ª Delegacia de Polícia.

Aos policiais, o passageiro disse que a confusão, ocorrida no dia 15 de fevereiro no Itapoã, começou após o motorista ver que duas meninas corriam para embarcar no ônibus e, mesmo assim, arrancar com o veículo. Para impedir que o condutor do coletivo deixasse o local, o homem colocou a mão na porta, impedindo-a de fechar.

O passageiro, então, discutiu com o motorista e o chamou de “babaca”, segundo informações prestadas na 6ª DP. Ainda de acordo com a PCDF, após o xingamento, o condutor parou o coletivo e deu um soco na cabeça do homem. Em imagens gravadas por câmeras de segurança, o passageiro revida ao ataque.

As meninas conseguiram embarcar no ônibus e o passageiro, após prestar depoimento, foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) para realizar exame de corpo de delito.

Em nota, a Pioneira informou que “não aceita esse tipo de prática” e, para evitar que episódios como esse se repitam, tem realizado treinamentos junto aos rodoviários de “boas práticas no atendimento aos clientes”. A assessoria de imprensa também disse que o motorista foi punido “de acordo com as normas da empresa”. O motorista responderá por lesão corporal e o passageiro, por injúria racial.

Últimas notícias