Vem DF: carros elétricos chegam a Brasília na próxima segunda

Em princípio, rota será restrita à Esplanada dos Ministérios e a sedes dos órgãos da administração do DF

Lucio Bernardo/Agência BrasíliaLucio Bernardo/Agência Brasília

atualizado 03/10/2019 16:23

Os carros elétricos estão chegando à capital do país. Nesta segunda-feira (07/10/2019), o governo lança o projeto Vem DF (Veículo para Eletromobilidade), no qual serão entregues 12 veículos. Dois deles serão adaptados com software para fazer o transporte de servidores.

O DF terá 35 pontos de recarga fabricados pela WEG. Eles serão gratuitos e de uso coletivo, ou seja, poderão ser utilizados por qualquer carro elétrico, de qualquer montadora. A iniciativa visa incentivar o uso desse meio de transporte por cidadãos em geral.

Arte/Metrópoles

O projeto vai oferecer 16 carros elétricos do modelo Twizy, da marca Renault. Os veículos serão cedidos ao governo do DF em forma de comodato, com cláusulas sobre operação, manutenção, taxas e seguros. Brasília tem vantagens para o uso desse tipo de transporte: o relevo predominantemente plano, que reduz o consumo de bateria, a temperatura favorável e a tensão de 220 volts, dispensando adaptações para a instalação dos eletropostos.

O projeto é em parceria com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e o Parque Tecnológico de Itaipu (PTI). O investimento da agência nos carros e pontos de recarga é de R$ 2,1 milhões. Em princípio, o Vem DF terá rota restrita à Esplanada dos Ministérios e a sedes dos órgãos da administração do DF. Os veículos elétricos têm autonomia de até 100 Km e velocidade de até 80 Km/h.

A ação faz parte da iniciativa do GDF de criar uma cidade inteligente. A intenção é de, além de possibilitar uso de energia limpa e renovável e economizar com combustível tradicional, atrair frotas particulares, locadas ou por uso compartilhado de forma semelhante, seja por ente público ou privado.

Últimas notícias