*
 

Um motociclista e uma mulher morreram, no domingo (29/10), após um atropelamento em frente ao Palácio do Planalto. Informações preliminares indicam que o homem trafegava em alta velocidade quando, por volta das 18h, atingiu a pedestre Beatriz de Souza Santos, 56 anos. O impacto foi tão grande que ela teve a perna direita amputada e morreu na hora.

Segundo informações da PMDF, Beatriz era servidora da Secretaria de Cultura do Distrito Federal. O motociclista, Rogério Soares Carvalho Silva, 38 anos, foi levado ao Hospital de Base, mas não resistiu aos ferimentos. O rapaz trabalhava como tenente do Exército.

Beatriz tentava atravessar do Palácio do Planalto para o lado sul do Eixo Monumental. Ao avistar a moto, ela correu, porém, não conseguiu desviar. O impacto foi tão forte, que o corpo da vítima foi arremessado 50m para frente.

 

Até o momento, a Polícia Militar não confirma uso de álcool por parte do motociclista. Após o acidente, o piloto perdeu o controle da moto, que só parou a 130m do local do atropelamento, e acertou a parada de ônibus próxima ao prédio da Presidência da República. O local ficou destruído com o impacto.

Todas as vias do Eixo Monumental, nas proximidades do Palácio do Planalto e do Congresso Nacional, no sentido Palácio do Buriti, ficaram interditadas.