Autoescolas apontam falhas no sistema do Detran-DF após mudanças

Sindicato dos Centros de Formação de Condutores do DF diz que empresários tiveram prejuízo com novas regras para tirar a CNH

Autoescola On-line/ReproduçãoAutoescola On-line/Reprodução

atualizado 18/09/2019 22:27

O Sindicato dos Centros de Formação de Condutores do Distrito Federal (Sindauto-DF) reclama que falhas no sistema do Departamento de Trânsito (Detran-DF) têm causado prejuízos aos donos de autoescolas. Os problemas começaram após as alterações nas regras para tirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNA), promovidas pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran). As mudanças passaram a valer na última segunda-feira (16/09/2019).

Segundo a entidade que reúne os empresários do setor, as autoescolas brasilienses não estão conseguindo atender aos alunos. De acordo com o presidente da entidade, Joaquim Loiola, os estabelecimentos estão com problemas na hora de efetuar matrículas, gerar o certificado de quem já concluiu o curso ou marcar prova teórica para os iniciantes.

“Houve um período de 90 dias para o Detran ajustar o sistema. Agora, além de impor as novas regras sem a publicação de instruções de serviço, os empresários do setor sofrem os prejuízos que este sistema obsoleto está causando”, destaca Loiola. “O Detran está sem administração e não tem ninguém do órgão que possa auxiliar os empresários do segmento”, completa.

Por meio de nota, o Detran-DF informou que já vinha trabalhando no sistema desde a publicação da resolução do Contran. “As adequações foram feitas e, na segunda-feira, a nova versão foi colocada no ar. Casos pontuais estão sendo acompanhados para os devidos ajustes”, disse o departamento.

Ainda segundo o órgão, “os Centros de Formação de Condutores podem entrar em contato com o Detran pelo e-mail previamente informado aos CFCs: habilitacao@detran.df.gov.br caso encontrem qualquer dificuldade”, destacou.

Últimas notícias