*
 

Um suspeito de integrar quadrilha de receptação e adulteração de carros roubados foi preso pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) por volta das 18h desta quinta-feira (12/7). A prisão ocorreu quando o homem, com documento falso, tentava visitar a mãe – internada no Hospital Regional da Asa Norte (Hran).

Sérgio William da Costa Nascimento (foto em destaque) tinha um mandado de prisão em aberto devido a uma condenação a 7 anos e 4 meses de prisão por roubo. A PM ainda procura pelo irmão do homem, acusado de integrar a mesma organização criminosa.

Segundo corporação, o grupo atua no eixo Brasília/Minas Gerais, e a prisão só foi possível graças a um trabalho conjunto e à troca de informações entre a PMDF, a PM de Minas Gerais e a Polícia Federal. Como a dupla tem mandados de prisão em aberto, ambos usam identidades falsificadas, para despistar as autoridades.

Veja imagens da abordagem do acusado no Hran: 

 

Na tentativa de encontrar o irmão foragido, a PM se deslocou até a residência dele no Recanto das Emas. No local, os militares encontraram um caminhão com a documentação falsificada e duas armas, sendo uma pistola e uma espingarda modificada, que estavam em poder da mulher do foragido. Material utilizado para a clonagem dos carros também foi apreendido.

De acordo com o oficial da PM que coordenou a ação, praticamente toda a família está envolvida com o mundo do crime. “Quatro filhos da mesma mãe já foram condenados pela Justiça”, disse o subtenente, que pediu para não ser identificado por pertencer ao serviço de inteligência da corporação. Segundo o militar, o trabalho de busca pelo foragido continua noite adentro.

Além de prender Sérgio, a polícia também encaminhou à delegacia da região, para ser autuada, a mulher do irmão dele: ela responderá por posse ilegal de arma de fogo.