Cinco suspeitos foram flagrados comercializando cartões de transporte na Rodoviária do Plano Piloto. Utilizando passes de usuários isentos de pagamento, como o estudantil e de pessoas com deficiência, eles liberavam as catracas para outros passageiros em troca de dinheiro.

Por volta das 11h30 dessa quinta-feira (7/2), os policiais foram acionados pelo centro de monitoramento da rodoviária. Dois indivíduos, flagrados pelas câmeras, agiam em frente à linha do BRT. A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) não soube informar o valor cobrado nas negociações irregulares.

Mais tarde, às 19h40, a equipe de monitoramento percebeu outras três pessoas realizando a mesma movimentação suspeita. Uma delas era uma adolescente, que não foi autuada. O grupo tentava vender os cartões do BRT.

Os fatos foram apresentados ao DFTrans, com a apreensão dos cartões. Segundo a PM, os proprietários dos passes perderão os benefícios. Os cinco suspeitos assinaram o termo circunstanciado de ocorrência na 5ª Delegacia de Polícia, localizada na área central de Brasília.

PMDF/Divulgação

Itens apreendidos