*
 

A Polícia Civil do DF, por meio da Coordenação de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Corpatri),  prendeu, nessa quarta-feira (7/3), três homens acusados de receptar uma carga de mercadorias avaliada em R$ 1 milhão.

De acordo com a especializada, a investigação teve início com o recebimento de uma denúncia sobre um veículo roubado em fevereiro deste ano, na BR-060. O caminhão que foi alvo dos criminosos estava carregado com 26 toneladas de velas, no valor de R$ 280 mil.

Durante as buscas na região da Ponte Alta, no Gama, os agentes localizaram em um galpão o semi-reboque roubado, além de centenas de caixas com produtos roubados (leite, desinfetante, detergente, álcool, sabonete, macarrão, entre outros). As mercadorias seriam vendidas para pequenos estabelecimentos do DF, informou a polícia.

“Estamos ainda investigando a ligação entre o proprietário de um depósito localizado em São Sebastião com esse grupo criminoso”, destaca o chefe da Corpatri, delegado Marco Aurélio Vergílio. No depósito, também foram encontradas mercadorias roubadas idênticas às apreendidas no galpão do Gama.

Os três homens presos responderão por receptação qualificada dos produtos roubados. A pena varia de três a oito anos de reclusão.