*
 

Um homem de 31 anos foi preso ao tentar comprar um carro usando documento fraudado. O flagrante ocorreu no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), nessa quinta-feira (8/11).

Wescley Lopes da Silva foi preso por policiais da Coordenação de Repressão aos Crimes contra o Consumidor, a Ordem Tributária e a Fraudes (Corf) no momento em que retirava o veículo da loja.

O objetivo de Silva era comprar um HB20. Aos policiais, ele disse que “foi convencido por um desconhecido a praticar o crime”. Ainda de acordo com o depoimento, ele receberia R$ 2 mil para assinar o contrato e retirar o veículo da concessionária.

“A habilitação é original, expedida pelo Detran. Eles solicitam a segunda via de uma CNH existente, em nome de outra pessoa, pedem para atualizar a foto 3×4 para a do estelionatário e praticam os crimes”, explicou o deslegado-chefe adjunto da Corf, Jônatas Silva. “A vítima que teve os documentos fraudados é de São Paulo”, completou o delegado.

Wescley Silva foi autuado por uso de documento falso e estelionato tentado.Está preso na Divisão de Controle e Custódia de Presos (DCCP).

PCDF/Divulgação

Documento com a foto do estelionatário