Fim de semana violento teve cinco homicídios e quatro tentativas no DF

Crimes foram registrados entre sexta-feira (06/09/2019) e domingo (08/09/2019), em oito regiões administrativas

Vinícius Santa Rosa/MetrópolesVinícius Santa Rosa/Metrópoles

atualizado 09/09/2019 22:03

O fim de semana foi violento no Distrito Federal. Dados levantados pelo Metrópoles com fontes policiais mostram que ocorreram cinco assassinatos e quatro tentativas de homicídio entre sexta-feira (06/09/2019) e domingo (08/09/2019). Os crimes foram registrados em Ceilândia, São Sebastião, Samambaia, Sobradinho, Santa Maria, Areal e Riacho Fundo II e Recanto das Emas.

Um infanticídio contra uma menina de apenas 3 anos, cujo pai é o principal suspeito, chocou o DF na sexta. A menina foi encontrada morta sobre a cama pela irmã mais velha, na casa onde a família morava, em Ceilândia. O corpo do pai estava pendurado pelo pescoço, em outro cômodo da residência.

No Bar do Zuza, em Sobradinho, dois criminosos abriram fogo contra um grupo de apostadores que jogavam baralho. A dupla entrou no estabelecimento, na sexta-feira, e anunciou o assalto. Um dos presentes reagiu e foi baleado. Denis do Nascimento Souza não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Edson Lima de Sousa foi atingido em três partes do corpo: tórax, axila e braço direito. Cleber Quirino da Silva ficou ferido nas nádegas. Ambos foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levados para o Hospital Regional de Sobradinho (HRS).

Tentativa de linchamento

Em São Sebastião, no domingo, a Polícia Militar prendeu um homem de 21 anos acusado de assassinar um jovem de 19. Os militares estavam em patrulhamento e ouviram o momento em que o criminoso atirou em Jonatan Junior Valença de Andrade, na Quadra 20 do bairro São José. A equipe foi até o local e flagrou o autor com um revólver calibre .38. Exaltados, populares ainda tentaram linchar o preso e arremessaram garrafas na viatura da PMDF.

A Polícia Civil investiga a morte de um homem que foi esfaqueado na Quadra 507 de Samambaia. A autoria e a motivação para o crime não foram informadas.

Já nesta segunda-feira (09/09/2019), o corpo de uma mulher de 32 anos foi localizado em um terreno baldio próximo a um supermercado em Santa Maria. Ela saiu de casa no domingo e foi encontrada com manchas de sangue e sinais de agressão. Um grupo de pedestres avisou a polícia após se deparar com o corpo. Até a última atualização deste texto, nenhum suspeito havia sido preso.

Um homem ficou gravemente ferido no sábado após levar seis facadas de Bruno Peixoto Coelho, 22 anos, num bar no Recanto das Emas. Câmeras de segurança flagraram a ação e mostram o momento em que a vítima reage ao assalto e é golpeada.

Segundo o delegado-chefe da 27ª Delegacia de Polícia (Recanto das Emas), Pablo Aguiar, o homem ficou ferido no rosto, braço e abdômen e está em estado grave no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM).
Outro lado

Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP/DF) informou que monitora prioritariamente os quatro principais Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI). São eles: homicídios, feminicídios, latrocínio e lesão corporal seguida de morte. Segundo a SSP, esses casos tiveram redução de 14,3% quando comparados com o mesmo período do ano anterior.

“A SSP/DF destaca que, por meio de dados de registros de ocorrências e por demandas da comunidade, produz estudos que indicam os dias, horários e locais de maior incidência de cada crime em todo o DF. Essas informações são utilizadas na elaboração de estratégias para o policiamento ostensivo da Polícia Militar do DF (PMDF) e na desarticulação de quadrilhas e investigação de crimes pela Polícia Civil do DF (PCDF)”, destacou a pasta.

De acordo com a secretaria, entre as medidas tomadas para melhorar a segurança estão a contratação de 83 peritos criminais, que tomaram posse em seus cargos na última quinta-feira (05/09/2019). Na mesma data foi anunciada a realização de concurso público para 1.800 agentes de polícia, sendo 600 vagas de preenchimento imediato e outras 1.200 de cadastro reserva.

A Polícia Militar do DF (PMDF) também terá seus quadros reforçados com a convocação de 100 candidatos aprovados para o cargo de oficial da corporação e outros 750 praças em janeiro de 2020.

Últimas notícias